Dengue, Chicungunya e Zika

Dengue, Chicungunya e Zika

Doenças causadas pelo mosquito Aedes aegypti

O MOSQUITO

 

O AEDES AEGYPTI

 

O Aedes aegypti possui listas brancas e pretas, sua foto é indolor, possui voo baixo, no máximo 1 metro de distância solo, e mede em média 5 a 7 testes, maior se comparado ao pernilongo, que chega a medir 3 a 4 anos .

 

HÁBITOS

 

Aedes aegypti  vive dentro de casa e perto dos seres humanos. Com hábitos diurnos, ou mosquito (apenas uma fêmea), se alimenta basicamente de sangue humano, principalmente ao amanhecer e ao entardecer, para se reproduzir. A reprodução acontece em água parada (limpeza ou suja), a partir da postura de ovos pelas crianças. Os ovos são usados ​​em água e distribuídos por diversos criadores.

 

CICLO DE VIDA

 

O ciclo de vida do Aedes aegypti é formado por quatro etapas básicas: ovo, larva, pupa e adulto. Do ovo ao adulto, o período de desenvolvimento é de aproximadamente 10 dias.

 

PREVENÇÃO

 

CRIADOUROS

 

São recipientes que podem acumular água, no qual o mosquito Aedes aegypti coloca seus ovos, preferencialmente, nas paredes de criadouros com água limpa e parada, bem próximo à superfície da água. Daí a importância de lavar, com escova ou palha de aço, as paredes dos recipientes que não podem ser eliminados, onde o ovo pode permanecer grudado.

 

COMO FAZER

 

  • Manter bem tampado tonéis, caixas e barris de água;
  • Lavar semanalmente com água e sabão tanques utilizados para armazenar água;
  • Manter caixas d’agua bem fechadas;
  • Remover galhos e folhas de calhas;
  • Não deixar água acumulada sobre a laje;
  • Encher pratinhos de vasos com areia ate a borda ou lavá-los com escova duas vezes por semana;
  • Trocar água dos vasos e plantas aquáticas uma vez por semana;
  • Colocar lixos em sacos plásticos em lixeiras fechadas;
  • Fechar bem os sacos de lixo e não deixar ao alcance de animais;
  • Manter garrafas de vidro e latinhas de boca para baixo;
  • Acondicionar pneus em locais cobertos;
  • Fazer sempre manutenção de piscinas;
  • Tampar ralos;
  • Não deixar água acumulada em folhas secas e tampinhas de garrafas;
  • Vasos sanitários externos devem ser tampados e verificados semanalmente;
  • Limpar sempre a bandeja do ar condicionado;
  • Lonas para cobrir materiais de construção devem estar sempre bem esticadas para não acumular água;
  • Catar sacos plásticos e lixo do quintal.

 

ORIENTAÇÕES GERAIS

Se apresentar sintomas de dengue, procurar imediatamente um serviço de saúde.

Para informar locais com criadouros: 156.

Legislação: Lei Municipal 9.243, que permite multar quem impedir o trabalho dos agentes de combate a endemias.

AS DOENÇAS

 

DENGUE

 

O que é?

 

Dengue é uma doença causada por vírus. Existem quatro tipos de vírus de dengue (sorotipos 1, 2, 3 e 4). Cada pessoa pode ter os quatro sorotipos da doença, mas a infecção por um sorotipo gera imunidade permanente para ele.

 

Como se transmite?

 

Pela picada do mosquito Aedes aegypti, que transmite o vírus que se encontra em sua saliva.

Todas as faixas etárias são igualmente suscetíveis, porém as pessoas mais velhas têm maior risco de desenvolver dengue grave e outras complicações que podem levar à morte. O risco de gravidade e morte aumenta quando a pessoa tem alguma doença crônica, como diabetes e hipertensão, mesmo tratada.

Sintomas

 

Os principais sintomas da dengue são:

  • Febre alta > 38.5ºC.
  • Dores musculares intensas.
  • Dor ao movimentar os olhos.
  • Mal estar.
  • Falta de apetite.
  • Dor de cabeça.
  • Manchas vermelhas no corpo.

No entanto, a infecção por dengue pode ser assintomática (sem sintomas), leve ou grave. Neste último caso pode levar até a morte. 

Os seguintes sinais podem significar agravamento da doença (sinais de alarme):

  • Dor abdominal intensa e contínua, ou dor a palpação do abdome;
  • Vômitos persistentes
  • Acumulo de líquidos (ascites, derrame pleural, derrame pericárdico)
  • Sangramento de mucosa ou outra hemorragia.
  • Aumento progressivo do hematócrito
  • Queda abrupta das plaquetas

 

Diagnóstico

 

É realizado por exames laboratoriais que indicam a presença do vírus ou anticorpos contra a doença.

 

Tratamento

O tratamento para a dengue consiste na ingestão abundante de líquidos. Isso salva vidas!

Não se devem usar medicamentos a base de acido acetilsalicílico (AAS, Melhoral, Aspirina) e anti-inflamatórios porque podem aumentar o risco hemorrágico.

 

 

CHUIKUNGUNYA

 

O que é?

 

Chikungunya é uma doença causada por vírus.  

 

Como se transmite?

 

Pela picada do mosquito Aedes aegypti, que transmite o vírus que se encontra em sua saliva

A transmissão da mulher grávida para o feto só acontece quando a mãe fica doente nos últimos 7 dias (última semana) de gravidez. Neste caso, a criança mesmo que nasça saudável, deve permanecer internada por uma semana para observação e tratamento imediato se desenvolver a doença que, nestes casos, apresenta quadros graves com manifestações neurológicas e na pele.

Também existe transmissão por transfusão sanguínea.

 

Sintomas

 

Os principais sintomas da chikungunya são:

  • Dores intensas nas juntas, em geral bilaterais (joelho esquerdo e direito, pulso direito e esquerdo, etc).
  • Pele e olhos avermelhados.
  • Dores pelo corpo.
  • Dor de cabeça.
  • Náuseas e vômitos.

 

Cerca de 30% dos casos não chegam a desenvolver sintomas. Normalmente, os sintomas aparecem de dois a 12 dias da picada do mosquito..

Depois de infectada, a pessoa fica imune pelo resto da vida.

 

Diagnóstico

 

É realizado por exames laboratoriais que indicam a presença do vírus ou anticorpos contra a doença.

 

Tratamento

O tratamento da chikungunya é feito de acordo com os sintomas, com o uso de analgésicos, antitérmicos e antinflamatórios para aliviar febre e dores.

 

ZIKA

 

O que é?

Zika é uma doença causada por vírus

 

Como se transmite?

 

Existem três formas principais de transmissão do Zika Vírus:

  • Transmissão pela picada do mosquito Aedes Aegypti.
  • Transmissão sexual.
  • Transmissão de mãe para o feto durante a gravidez 

No caso do feto ser infectado durante a gestação, este pode desenvolver lesões cerebrais irreversíveis e ter comprometida, definitivamente, toda a sua estrutura em formação. 

Sintomas

 

Os sintomas mais comuns associados ao vírus Zika são:

  • “Vermelhão” em todo o corpo com muita “coceira” depois de alguns dias.
  • Febre baixa, muitas vezes não sentida.
  • Conjuntivite (olho vermelho) sem secreção.
  • Mialgia e dor de cabeça.
  • Dor nas juntas.

Todos os sintomas são de intensidade de leve a moderada.

Diagnóstico

 

É realizado por exames laboratoriais que indicam a presença do vírus ou anticorpos contra a doença.

 

Tratamento

 

É feito de acordo com os sintomas, com o uso de analgésicos, antitérmicos e outros medicamentos disponíveis em qualquer unidade pública de saúde para controlar a febre e a dor. No caso de sequelas mais graves, como doenças neurológicas, deve haver acompanhamento médico para avaliar o melhor tratamento a ser aplicado.

 

 

 

REFERÊNCIAS

Ministério da Saude. http://www.saude.gov.br/saude-de-a-z/aedes-aegypti