São Francisco Xavier

São Francisco Xavier

Situado ao norte do município, o distrito possui paisagem privilegiada em meio à Serra da Mantiqueira
Cercado de lindas montanhas e cachoeiras, conheça nosso aconchegante distrito.

A origem de São Francisco Xavier está ligada ao fato de uma localidade ter sido passagem e pouso de tropeiros que vinham de Minas Gerais para comercializar seus produtos em São José dos Campos.

O Distrito foi criado oficialmente por meio da Lei Estadual nº 59, de 16 de agosto de 1.892. Por muito tempo, uma economia de sobrevivência foi limitada à agropecuária.

Situado ao norte do município, com 322 km² de área, São Francisco Xavier possui uma paisagem privilegiada, com fortes declínios e grandes altitudes cuja culminância é o Pico do Selado, com 2.082 metros, onde é possível ver cidades próximas, compondo um incentivo harmonioso de montanhas e vales.

O Distrito de São Francisco é considerado uma Área de Proteção Ambiental Federal, por fazer parte da Bacia Hidrográfica do Rio Paraíba do Sul.

No nível municipal, o Distrito é comparado pela Lei nº 4.212 de 24 de junho de 1.992, que vincula o uso e a ocupação do solo ao bem estar da população e à preservação ambiental.

São Francisco Xavier, agora também é APA Estadual (Área de Proteção Ambiental) pela Lei nº 11.262, de 8 de novembro de 2.002.

Raio X

O Distrito está a 720 metros de altitude e a uma distância de 54,8 km de São José dos Campos.

Ainda mantém um recurso de pequeno povoado interior, perfeitamente integrado ao seu modo de vida, inclusive com manutenção de algumas tradições como: o artesanato típico da região e festas religiosas que atrai um número expressivo de pessoas.

São Francisco Xavier possui várias trilhas para caminhadas e para “mountain bike”. Também existe uma rota de voo livre e vários pontos com altitudes apropriadas para praticar “parapente”.

São Francisco Xavier é uma região privilegiada pela beleza e exuberância das paisagens. Considerada área de preservação ambiental federal e estadual é constituída de atrativos naturais, para pessoas que gostam de praticar ecoturismo e turismo de aventura como montanhismo, fazer trilhas e estar em contato da natureza. A sua paisagem é constituída de picos e cumes, serras, pedras e quedas d’água, que são considerados atrativos turísticos para os visitantes.

A Praça Cônego Antônio Manzi, bem no centro de São Francisco, traz barraquinhas que oferecem opções de artesanato em tecido e madeira para todos os gostos, além de produtos orgânicos, como verduras, frutas, legumes, geleias e doces caseiros.

A culinária leva o tempero interiorano e traz muitos pratos diferenciados os mais famosos são com carne de cordeiro grelhado e risoto, trutas, pratos que trazem como ingrediente o pinhão. A receitas típicas como a do vira broa e o bolinho caipira. A broa, chamada de João Deitado, leva pinhão na massa e é assada na folha de bananeira. Já o bolinho também tem pinhão na massa e no recheio. São várias opções restaurantes, bares e lanchonetes para quem gosta de um turismo mais tranquilo.

As principais festas que acontecem no distrito estão ligadas a religião, as mais famosas são a Festa do Tropeiro, a Fresta da Carpição e festa São Gonçalo, além de datas comemorativas do próprio distrito como o aniversário de São Francisco.

 

Picos / Cumes


Pico do Selado – altitude – 2.082 metros – Distrito São Francisco Xavier Localizado na divisa com Camanducaia (MG) e Joanópolis (SP). Local para prática de alpinismo, eventual queda de neve no inverno (com temperatura de 5 a 12 grau negativos), vista panorâmica de Monte Verde (MG), São José dos Campos e outras cidade da região.

Pico do Focinho D’Anta - Altitude – 1.712 metros Distrito São Francisco Xavier – SJC. Localizado na Serra do Queixo D’Anta, na divisa com Sapucaí Mirim (MG). Vista panorâmica de São Francisco Xavier, São José dos Campos e outras cidades do Vale do Paraíba.

 

Serras

Serra do Queixo D’Anta - São Francisco Xavier- Altitude: 1.740 metros. Localizado na divisa com Sapucaí Mirim. Vista panorâmica de cidade do Vale do Paraíba.

Serra de Santa Bárbara - São Francisco Xavier - Altitude: 1.578 metros. Localizado na divisa com Sapucaí Mirim. Belas paisagens e corredeiras de água cristalina.

Pedras

Pedra da Onça

Pedra Redonda - 1.925 metros de altitude.

Pedra Chapéu do Bispo - 1.913 metros de altitude.

Pedra do Capim Azul -1.400 metros de altitude – Serra do Queixo D’Anta.

Pedra Pouso do Rochedo -1.300 metros de altitude – Serra de Santa Bárbara.

Pedra do Porquinho - Vista 360º, no local existe uma pequena gruta onde se encontra uma imagem de São Francisco. O acesso é feito de carro e uma pequena caminhada a pé até o topo da montanha. Além da vista, as atrações são as pedras com escadas para acessar o cume e
ampliar a visão do horizonte.

Quedas D’água

Cachoeira Pedro Davi - Com 15 metros de altura em várias quedas, tem estrutura com vestiários, banheiros, área para alimentação e playground.

Roncador - Ribeirão Roncador na confluência com o Rio do Peixe.

Cachoeira das Couves - 15 metros de altura. 2km a partir do centro de São Francisco Xavier, visitação somente com autorização e acompanhamento de guia.

Cachoeira do Sabão - 25 metros de altura em três quedas – Córrego do Sabão, confluência com o Rio do Peixe. 30km – SP 50 (8km), Estrada Municipal do Costinha via Reserva Ecológica Augusto Rusch.

Outras como:

Cachoeiras Pouso do Rochedo

Cachoeira da Gruta

Cachoeira Santa Bárbara

Cachoeira do Degrau Furado

Cachoeira do Campo

Cachoeira da Escada

Cachoeira da Mina

Cachoeira dos Tapearás

Cachoeira da Mata