Nova unidade de especialidades começa a ser construída na região sul
Atualizado em 02/10/2019 - 18:58
OBRA PRONTO ATENDIMENTO ZONA SUL - 02-10-2019 - LUCAS CABRAL
Novo ambulatório de especialidades terá dois pavimentos, com uma área aproximada de 1.600 metros quadrados - Foto: Lucas Cabral/PMSJC

Nei José Sant' Anna
Secretaria de Saúde

A obra da nova Unidade de Especialidades de Saúde localizada na região sul de São José dos Campos começou nesta semana.  A Organização Social Hospital e Maternidade Terezinha de Jesus (OSHMTJ), que gerencia o Hospital de Clínicas Sul, é a responsável pela construção do prédio em uma área onde hoje há um estacionamento secundário da unidade, ao lado do Hospital Regional.

O recurso para a construção vem do excedente de contrato da OS com a Prefeitura, referente ao ano de 2018. O valor da obra é de R$ 5,518 milhões, com prazo de conclusão em 6 meses. De acordo com a Secretaria de Saúde, essa sobra é resultado da otimização de recursos, da experiência e boa gestão da OSHMTJ, que assumiu a administração do Clínicas Sul em dezembro de 2017.

Também está prevista uma segunda etapa da obra, com investimento previsto de R$ 17,6 milhões. Esse recurso virá da contrapartida da Humanitas – Faculdade de Ciências Médicas de São José dos Campos, em forma de aquisição de equipamentos e reforma no prédio do Hospital de Clínicas Sul. Todo o complexo médico, incluindo o novo ambulatório a ser construído, será entregue sem custos para o município.

O novo ambulatório de especialidades terá dois pavimentos, com uma área aproximada de 1.600 metros quadrados. Serão 18 salas de atendimento, incluindo consultórios, recepção, salas de exames cardiológicos, de exames endoscópicos, de pequenas cirurgias, entre outras. Estão previstas cerca de 15 mil consultas com especialistas por mês, além de exames e outros procedimentos.

Confira o vídeo.

Resolve Mais

A construção do novo ambulatório é mais uma iniciativa da Prefeitura para ampliar a oferta de vagas com especialistas na rede pública. Desde janeiro de 2017 houve um aumento médio de 20% na oferta de consultas especializadas.

Uma das ações da Prefeitura para ampliar o acesso à rede de saúde foi a entrega, em setembro, da Unidade de Especialidades II no antigo prédio do Famme, que prevê a oferta de 12.400 consultas com especialidades por mês e 4.500 exames de ultrassom por mês.


MAIS NOTÍCIAS
Secretaria de Saúde