Alunos da Fundhas assistem aula diferente no Instituto Criar
Atualizado em 10/05/2019 - 16:03
Fundhas visita Instituto Criar
Alunos e educadores da unidades Embraer e Bernardo Alberto Rohde da Fundhas conheceram o Instituto Criar, em São Paulo - Foto: Divulgação

Paula Pessoa
Fundhas

Para ampliar o repertório cultural dos adolescentes e proporcionar uma aula diferente, um grupo de 40 alunos, das unidades Embraer e Bernardo Alberto Rohde, da Fundhas (Fundação Hélio Augusto de Souza), visitou nesta quinta-feira (9) o Instituto Criar, em São Paulo.

O Instituto Criar de TV, Cinema e Novas Mídias promove o desenvolvimento profissional, sociocultural e pessoal de jovens por meio de projetos audiovisuais que atendem jovens em situação de vulnerabilidade social.

A ideia do intercâmbio de aprendizados entre os alunos da Fundhas e os profissionais do Criar faz parte do eixo de Comunicação e Uso de Mídias e de Promoção da Saúde e Cidadania, áreas que a Fundhas trabalha e oferece às crianças e adolescentes atendidos em São José dos Campos.

Experiência nova

Os alunos, de 13 a 17 anos, passaram o dia visitando os cerca de 3.000 metros quadrados do Espaço Escola, onde ocorre o programa educacional. A ideia da aula inovadora surgiu das professoras Carolina Souza e Rosa Bruni, da Fundhas do Putim, e contou com a parceria das educadoras Eloísa Martins e Caroline Arantes.

“A experiência de levar os alunos até o Instituto foi muito especial. Conhecer os espaços e trocar informações com os profissionais de lá foi ótimo para todos, foi diferente e um momento gostoso de interação”, comentou Carolina.

A visita reforça ainda as ações da Fundhas focadas na importância dos adolescentes desenvolverem projetos de vida e buscarem seus sonhos. Para Kauan Samuel Carneiro David, 17 anos, o dia mesclou a apreciação pela arte com o sentimento de liberdade.

“Foi incrível visitar um lugar novo. Abriu meus olhos para tipos de arte que eu não conhecia. A arte fica acessível lá, foi interessante e prazeroso perceber expressões livres, como o grafite”, disse.

“A experiência foi gratificante. Pude aprender mais sobre novas formas de artes. Isto me dá ideias e uma perspectiva para o futuro. Vou guardar as conversas e o que aprendi hoje para planejar o futuro que eu quero”, observou Camille Vitória Canuto Rocha, 14 anos.

Qualificação profissional

Por meio de atividades socioeducativas e com foco na iniciação profissional, a Divisão de Empregabilidade oferece aos adolescentes formação que visa o desenvolvimento do projeto de vida e sua inserção no mercado de trabalho.

Os cursos de Formação Inicial e Continuada são realizados em quatro unidades, nas regiões norte, sul e leste, com a metodologia e certificação do Cephas (Centro de Educação Profissional Hélio Augusto de Souza).

O Instituto

Fundado em 2003 pelo apresentador de TV Luciano Huck, anualmente, o Instituto atende 150 jovens, com idade entre 17 a 20 anos e em situação de vulnerabilidade social e econômica, que têm formação técnica e sociocultural. Mais informações no site.

Conheça a Fundhas

Ao longo dos 32 anos de existência, a Fundhas contribuiu com a formação de mais de 30 mil crianças e jovens que viram em seus projetos a possibilidade de realizar sonhos e de crescimento profissional.

Com atuação no contraturno escolar, a Fundhas é mantida pela Prefeitura de São José dos Campos e oferece projetos voltados à música, dança, teatro, artes e um cuidado especial no reforço escolar. Todos os atendidos recebem gratuitamente alimentação, uniforme e transporte.

O Cephas é um Centro Educacional da Fundhas que tem como finalidade oferecer educação profissional através de cursos de formação inicial e continuada, programa de aprendizagem profissional e de cursos técnicos de nível médio.


MAIS NOTÍCIAS
Fundhas