Brasil conquista vitória inédita e 7º lugar no Mundial de Rugby
Atualizado em 21/07/2019 - 22:36
World Rugby U20 Trophy, a série B do Campeonato Mundial juvenil de Rugby de 2019 - Brazil U20 (32) X (29) Hong Kong U20. Foto: Claudio Vieira/PMSJC. 21-07-2019
Jogadores do Brasil comemoram vitória emocionante, que garantiu a 7ª colocação no Mundial de Rugby: São José é a base da Seleção - Foto: Claudio Vieira/PMSJC

Paula Pessoa
Secretaria de Esporte e Qualidade de Vida

O estádio Martins Pereira, na região central de São José dos Campos, recebeu neste domingo (21) os jogos finais do Campeonato Mundial Juvenil de Rugby. Com vitória dos brasileiros, no ponto de ouro com drop goal, por 32 a 29, os curumins, apelido da categoria de base da seleção, garantiram o 7º  lugar na competição.

O Japão consagrou-se campeão ao vencer Portugal, por 35 a 34, na final. O torneio garante vaga para o U20 Championship 2020, a primeira divisão do juvenil, que será na Itália.

Esta foi a primeira vitória da seleção masculina em mundiais disputados pela categoria de base e também a primeira vez que o país sedia um grande evento global da World Rugby para a modalidade 15.

São José dos Campos, como de costume, está representada na seleção brasileira, com seis atletas do São José Rugby no elenco.

Vitória emocionante


Hong Kong largou na frente do placar, aos três minutos de jogo. Mas, sete minutos depois, o time brasileiro fez seu primeiro try. Com a virada dos brasileiros, o primeiro tempo foi 19 a 12 para os curumins.

O time brasileiro contou com apoio e vibração da torcida e o placar do segundo tempo foi para 29 a 22. Porém, nos minutos finais do jogo, o Brasil cedeu espaço e os adversários empataram, levando a partida para a prorrogação, no esquema morte súbita.

Logo na primeira posse de bola os brasileiros garantiram a vitória e receberam os aplausos do estádio, levantando a torcida.

À frente do time brasileiro, Adrio Luiz de Melo, 18 anos, vibrou com a vitória conquistada nos últimos minutos. “Essa conquista é emocionante. Este foi o primeiro campeonato mundial que participamos e conseguimos uma vitória importante para o Brasil”, disse, sem conseguir esconder a emoção.

“Todo suporte, recepção e organização aqui foram ótimos e só tenho a agradecer”, completou o capitão.

Inspiração e incentivo

Isabela Gomes, 21 anos, joga na modalidade há 8 anos e, atualmente, defende o time feminino adulto de São José. Para ela, o torneio é um ótimo incentivo.

“São José é grande no rugby e apoiar este torneio é muito importante. Todo incentivo e apoio aos esportes valem a pena. O Brasil mostrou a força que tem e que não veio para brincar. Os meninos se dedicam diariamente, quem é jogador sabe exatamente a emoção de estar em campo”, afirmou a jogadora, que neste domingo estava na torcida.

Andrew William de Melo Moreira, 15 anos, também pratica o esporte e sonha em seguir na carreira profissional. Acompanhado de amigos, veio de Jacareí para assistir a partida deste domingo e torcer para os curumins.

“O jogo foi muito ‘da hora’. É importante poder assistir esse campeonato aqui pertinho de casa e ver que a prática do rugby tem aumentando me anima para seguir no esporte”, disse o jovem.

Para auxiliar na organização do evento, a equipe responsável teve apoio de um grupo de jovens voluntários. Entre eles estava a estudante Maria Clara de Moraes Pereira, 16 anos, sendo 5 deles jogando rugby.

Maria optou por ser voluntária já pensando no futuro e para ter mais contato com culturas diferentes.

“Essa experiência é muito boa Quero viver do rugby lá fora e ter contato com outras culturas é indispensável."

 

 


MAIS NOTÍCIAS
Secretaria de Esporte e Qualidade de Vida