‘Férias no MIC’ movimenta o sábado em São José
Atualizado em 20/07/2019 - 18:06
Férias no MIC com o tema "O Vale do Paraíba faz Ciência, atração conta com show de ciências, jogos, oficinas, exposições e palestras. Foto: Claudio Vieira/PMSJC. 20-07-2019
Após 10 dias, 'Férias no MIC" terminou neste sábado, mas atrações do Museu continuam à disposição dos moradores da cidade e visitantes - Foto: Claudio Vieira/PMSJC

Paula Pessoa
Secretaria de Educação e Cidadania

O MIC (Museu Interativo de Ciências) de São José tem sido uma boa opção de lazer para as famílias e visitantes da cidade ao longo de todo o ano. Neste sábado (20) ensolarado, último dia do “Férias no MIC”, teve atrações para todos os gostos: show de ciências, jogos, oficinas, exposições e palestras abertas ao público.

A programação, que teve como tema: "O Vale do Paraíba faz Ciência", faz parte das comemorações pelo aniversário de 252 anos do município, que serão celebrados no próximo 27.

Durante 10 dias, ficou provado ao público que é possível aprender ciências de maneira prática e divertida.

Durante o “Férias no MIC”, os munícipes tiveram acesso a diversas oficinas e participaram de atividades como Observação Astronômica e Exposições Interativas, além das visitas monitoradas.

Aprendizado com diversão

Logo na entrada, o público foi recebido com surpresa e diversão com a exposição interativa Show de Ciências da USP onde, por meio de uma apresentação teatral, elementos científicos são apresentados.

“Percebemos que os pais vieram dispostos a participar e se empolgaram bastante. Já as crianças ficam encantadas ao verem seus pais nas dinâmicas. Vimos brilho e curiosidade no olhar do público, em gente de todas as idades. Isso foi ótimo”, afirmou a professora doutora Sandra Schneider, responsável pela equipe do Show de Ciências da USP.

Para Cristiane Marques, as atividades do MIC permitem que todos os visitantes aprendam na prática. Junto dos filhos Emanuele, 9 anos, e Miguel, 7 anos, ela aprovou as atrações científicas.

“Foi muito bom. Eles participaram de oficinas, fomos no Show de Ciências e aproveitamos juntos um pouquinho de cada coisa”, disse Cristiane.

“Eu achei ‘super da hora’, aprendi a fazer ‘slime’ e gostei de tudo. Quero ser cientista!”, afirmou o pequeno.

Outro Miguel que aproveitava a manhã de férias no MIC era o Miguel Vieira, 4 anos. Acompanhado dos pais, o menino se divertia entre os objetos expostos com a curiosidade natural das crianças.

“É a primeira vez que viemos aqui. O espaço é muito interessante, ele está adorando. Esta é uma boa opção de lazer”, disse a mãe, Suelen Vieira.

Museu Interativo de Ciências

Com instalações modernas, o MIC segue o formato do Projeto Catavento, de São Paulo. No local, há atividades e exposições sobre ciência e cultura, órbita com força central, tamanho relativo dos planetas, sol, canhão de fumaça, bolha cilíndrica, bolhas esculturais, trem da inércia, super looping, força centrífuga, basquete giratório, harpa de tubos, máquina eletrostática de Wimshurst, bancadas de lupas e insetos. No total, são mais de 50 atrações disponíveis para os visitantes.

O MIC não abre aos domingos. A entrada é 1kg de alimento não perecível, que será doado para o Fundo Social de Solidariedade.

 


MAIS NOTÍCIAS
Secretaria de Educação e Cidadania