Guarda Municipal completa 31 anos com ampliação do efetivo e melhorias na infraestrutura
Atualizado em 30/01/2019 - 09:59
31 ANOS GCM - 29-01-2019 - FOTO - LUCAS CABRAL
Atuais e futuros guardas municipais dividiram com convidados o auditório da solenidade dos 31 anos da GCM - Foto: Lucas Cabral/PMSJC

Wagner Matheus
Secretaria de Proteção ao Cidadão

Mais homens, mais equipamentos e melhorias na infraestrutura. É com esses resultados positivos que a Guarda Municipal de São José dos Campos comemorou nesta terça-feira (29), no Cefe (Centro de Formação do Educador), os 31 anos da corporação.

A novidade deste ano foi a presença dos 70 alunos do curso de formação que estão se preparando para assumir o posto de guardas municipais. Após a conclusão das 720 horas de treinamento, que teve início em novembro do ano passado, a GCM passará de 277 para 347 integrantes.

Durante o evento, a Prefeitura reforçou os próximos investimentos que serão feitos na área da segurança: a licitação para a compra de novas motos para a GCM, melhorias na sede da corporação na Vila Industrial e a implantação do novo COI (Centro de Operações Integradas), com tecnologia mais moderna.

Nos últimos dois anos a GCM de São José passou por um processo acelerado de recuperação e melhoria de sua infraestrutura. Foram adquiridos novos fardamentos, armas e veículos. O destaque foi a substituição de suas viaturas por veículos 100% elétricos.

Queda na criminalidade

A festa da Guarda Municipal coincidiu com o fechamento da estatística do ano de 2018, elaborada pela Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo, para os indicadores de criminalidade no município.

Os principais indicadores tiveram queda acentuada nesses últimos dois anos. Entre 2016, último ano da administração anterior, e 2018, homicídios dolosos caíram 47,30%, vítimas de homicídio 44,16%, total de roubos 33,15%, tentativas de homicídio 10,30%, roubos de veículos 18,41%, outros furtos 10,80% e furtos de veículos 7,32%.

“Dos nove indicadores monitorados, sete estão em declínio em comparação com o ano passado”, ressaltou o coronel PM Lourival da Silva Júnior, comandante do CPI-1 (Comando de Policiamento do Interior) em São José dos Campos.

“A partir de 2014 [após a lei que modificou a função constitucional das guardas municipais], a Guarda atua não só na proteção dos próprios públicos, mas está junto com a Polícia Militar e a Polícia Civil no enfrentamento da criminalidade em São José”, observou o delegado seccional da Polícia Civil no município, José Henrique de Paula Ramos.

Homenagens

Durante a solenidade foram prestadas três homenagens. Os GCM's primeira classe Denis e Brasílio se destacaram pelo maior número de ocorrências atendidas em 2018, cerca de 200; a inspetora regional Ondina aposentou-se após 23 anos de trabalho na Guarda; e a GCM primeira classe Edineide recebeu homenagem em nome do Programa Anjos da Guarda, que leva informação para a rede municipal de ensino, além de outros públicos.

31 anos

A Guarda Civil Municipal foi criada em 6 de janeiro de 1988, como uma instituição de caráter civil, responsável por zelar pelos bens, serviços e instalações públicos. Faz policiamento preventivo e também atende ocorrências, de maneira a orientar, advertir ou prender em flagrante delito.

A corporação mantém efetivo 24 horas nas ruas, apoia e integra operações conjuntas de atividades de fiscalização e ordenamento urbano, coíbe atos de vandalismo, zela pela estética urbana e promove a segurança dos bens públicos e em eventos oficiais.

A atuação da GCM ganhou versatilidade com a lei federal 13.022, de 8 de agosto de 2014, que lhe garante poder de polícia, ampliando a importância de sua ação na segurança pública do município.


GALERIA DE FOTOS

MAIS NOTÍCIAS
Secretaria de Proteção ao Cidadão