Science Days deslumbra amantes da ciência e tecnologia
Atualizado em 06/04/2019 - 19:20
Science Days no Pavilhão do Parque da Cidade  06 04 2019
Experimentos científicos diversos mostraram as várias aplicações da ciência e da tecnologia na vida moderna - Foto: Charles de Moura/PMSJC

Wagner Matheus
Secretaria de Inovação e Desenvolvimento Econômico

O Parque da Cidade, na região norte, recebeu nesta sexta-feira (5) e sábado (6) uma multidão interessada em conhecer avanços científicos e tecnológicos, experimentos em física, química e outros ramos da ciência, além de se divertir com várias atividades lúdicas que uniram aprendizado com lazer.

O público era formado por famílias inteiras, jovens estudantes e grupos diversos, como um, de escoteiros, que percorreu os estandes montados no pavilhão Gaivota com muita disciplina e interesse.

O Science Days é uma realização do Instituto Alpha Lumen, que mantém unidades de ensino fundamental e médio no Jardim Esplanada, na região central. O evento é mundial e é realizado por ONGs (organizações não governamentais) e institutos ligados à ciência e tecnologia.

Esta é a terceira edição do Science Days em São José dos Campos. O Alpha Lumen reuniu dezenas de apoiadores, entre eles a Prefeitura de São José dos Campos, que além de ceder as instalações também levou conhecimento por meio de um estande no local.

As secretarias de Saúde e de Urbanismo e Sustentabilidade expuseram trabalhos explicando o cultivo de alimentos saudáveis e orgânicos, o retorno ao consumo de plantas alimentícias não convencionais, a compostagem de resíduos orgânicos e orientações sobre a prática da alimentação saudável.

Jovens aprovam

Apesar de receber pessoas de todas as idades, o público jovem, ávido por conhecimento, se destacou nos dois dias do Science Days. Olhos arregalados, o estudante Vitor Luca Moura Marmo, 19 anos, não escondia a sua vibração com o evento.

“É muito legal, isso incentiva a galera que está fazendo faculdade a correr atrás dos seus projetos”, afirmou. É o caso de Vitor, que veio de São Sebastião, no Litoral Norte, para frequentar o curso de química na Univap (Universidade do Vale do Paraíba), onde está no primeiro ano.

“O que mais me chamou a atenção foi o projeto de uma placa de aquecimento solar que se movimenta para onde há maior incidência de luz, sendo mais eficiente para carregar energia”, relatou o estudante.

Mais nova, 14 anos de idade, mas com a mesma expressão de encantamento, Anne Cristine Siqueira Souza, moradora no Bosque dos Eucaliptos, na região sul, percorria o pavilhão apressada, levando com ela a mãe Cecília e o amigo Gabriel.

“Eu me interesso muito por ciência e quero me formar na área de Exatas”, garantiu a menina, mostrando que prestou muita atenção em tudo o que viu. “Me despertaram a atenção os estandes com simulação de gravidade, a transformação de legos em robôs e os experimentos científicos”, explicou Anne.

Um dos objetivos dos realizadores do evento é inspirar a população a assumir a vocação de São José dos Campos como um dos principais polos tecnológicos do Brasil. Além do complexo aeronáutico e espacial representando pelo DCTA (Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial) e pelo Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais), além de dezenas de empresas do setor, o município conta com o Parque Tecnológico, que é hoje um dos mais bem-sucedidos do país no estímulo à pesquisa e à geração de startups de tecnológicas.


MAIS NOTÍCIAS
Secretaria de Inovação e Desenvolvimento Econômico