São Francisco Xavier é opção de passeio neste feriado
Atualizado em 19/04/2019 - 08:25
São Francisco Xavier, opções de gastronomia, artesanato e lazer. Foto: Claudio Vieira/PMSJC. 13-10-2018
São Francisco Xavier tem opções para todas as idades e gostos - Foto: Claudio Vieira/PMSJC

Bibiano Santos
Secretaria de Inovação e Desenvolvimento Econômico

A pouco mais de uma hora do centro de São José dos Campos, o distrito de São Francisco Xavier é uma opção diferenciada para o feriado prolongado da Semana Santa para quem quer estar junto à natureza. Isto, tanto para quem pretende se hospedar nesse período em algumas das convidativas pousadas do local, ou apenas apreciar por um dia as belezas do distrito.

Situado em uma Área de Proteção Ambiental, junto à Serra da Mantiqueira, o distrito mantém as características de cidade do interior, com vida tranquila, comida da roça, eventos em torno da praça central (Cônego Manzi), e algumas tradições como artesanato típico da região e festas religiosas.

A visão é privilegiada já na chegada ao portal de entrada do distrito. A partir dali, o visitante tem a seu dispor a natureza preservada, com esportes radicais, comida saborosa e prosas na praça, onde as famílias se reúnem com amigos e vizinhos, boa parte deles de São José.

São Francisco Xavier surgiu com a passagem dos tropeiros pela serra da Mantiqueira, quando paravam na região quando vinham de Minas Gerais para comercializar produtos no Vale do Paraíba. O distrito tem 127 anos de existência. Foi criado oficialmente por meio de lei estadual, em 16 de agosto de 1.892.

Esportes radicais

Para quem busca forte adrenalina, o distrito oferece aos visitantes várias opções de esportes radicais, como diversas trilhas pela Serra da Mantiqueira, além da vista panorâmica do Mirante da Pedra de São Francisco, também conhecido como Pedra do Porquinho. Outros cenários são convidativos para prática de contemplação ou esportes radicais como o “downhill” (descida de bike) por longo percurso, cachoeiras, mirantes, ranchos de passeio a cavalo e pesqueiros. 

Para quem prefere o sossego, o distrito é ideal para isto também, com opções para o turismo contemplativo, com várias cachoeiras e mirantes cinematográficos.

Entre as inúmeras trilhas que o distrito oferece pela Serra da Mantiqueira, está o Mirante da Pedra de São Francisco, também conhecido como Pedra do Porquinho. Embora seja propriedade particular, não há custo para a visitação. O local fica na Estrada do Capim Azul, Travessa 16.

Artesanato e produtos orgânicos

Na Praça Cônego Antônio Manzi, bem no centrinho, barraquinhas oferecem opções de artesanato em tecido e madeira, para todos os gostos, além de produtos orgânicos como verduras, frutas, legumes, geleias e doces caseiros.

Culinária caipira

Na área central do distrito, como em locais um pouco mais afastados, os visitantes podem encontrar locais para saborear a comida caipira tradicional como o tradicional barreado (cozido de mandioca, batata e carne) e também culinária mais sofisticada, como pratos especiais com tilápias, trutas, entre outros. Um doce típico do local e muito apreciado é o João Deitado, uma broa embalada com folha de bananeira.

Feira

Neste sábado (20), uma das atrações da área central do distrito, será a Feira de Artesanato e Produtos Orgânicos, na Praça Cônego Manzi, das 9h às 17h. Com apoio da Prefeitura, a feira é organizada por artesãos e produtores rurais locais. 

Parque Municipal

Recentemente, a Prefeitura implantou no local o Parque Municipal de São Francisco Xavier, que fica na área de antiga fazenda da família Bose, conhecida por abrigar o Casarão da Fazenda, edificação do século 19, que dá destaque ao local.  O casarão é emoldurado por espécies de araucárias e os palmitos-juçara, e com a vista da Serra dos Poncianos ao fundo, compõe uma belíssima paisagem que já figura como um dos símbolos do Distrito.

Mais informações

Turismo SJC


MAIS NOTÍCIAS
Secretaria de Inovação e Desenvolvimento Econômico