Americanos visitam fazenda de carne para exportação em S. José
Atualizado em 11/04/2019 - 20:59
VISITA TECNICA FAZENDA SAO GERALDO - 08-04-2019 - LUCAS CABRAL
Os executivos norte-americanos tiveram conhecimento das técnicas do produção de carne bovina desenvolvidas pela fazenda São Clemente - Foto: Lucas Cabral/PMSJC

Bibiano Santos
Secretaria de Inovação e Desenvolvimento Econômico

Um grupo de executivos americanos, ligado ao setor de alimentação (fast-foods), esteve nesta semana em São José dos Campos para visita técnica à fazenda São Clemente, localizada na região norte da cidade. A fazenda é considera uma das referência no desenvolvimento de tecnologia no manejo de pecuária de corte. 

A visita dos executivos vai ao encontro dos objetivos da Prefeitura de São José dos Campos, que tem apoiado o setor rural da cidade para gerar novos negócios por meio da Secretaria de Inovação e Desenvolvimento Econômico.

Durante a visita técnica, os executivos se mostraram muito interessados no rebanho e na qualidade da carne bovina produzida em São José dos Campos.

Entre os executivos presentes estava Michel Machado, da Subway Brasil. “Na Subway, acreditamos que a qualidade de um produto começa em seu local de produção, por isto uma visita técnica como esta é de extrema importância. Frescor e saúde estão no DNA da nossa marca e, portanto, como a maior rede de alimentação rápida do mundo, fazemos questão de conhecer bem nossos potenciais parceiros”, conta Michel.

Produção rural em ascensão

Mesmo não sendo a principal atividade econômica do município, o setor rural tem aumentado sua participação na geração de emprego e renda na cidade. Estudos realizados pelo Ipplan (Instituto de Pesquisa e Planejamento de São José dos Campos) indicam que a cidade conta com cerca de 14 mil produtores rurais.

De acordo com dados coletados na Secretaria de Inovação e Desenvolvimento Econômico, as principais atividades rurais do município são: produção leiteira e gado de corte, totalizando aproximadamente 1.200 produtores.

O município possui uma área rural estimada em 745,7 km² (cerca de 68% de seu território total), sendo que 98% da população está na zona urbana e 2% na rural. Embora bastante extensos os territórios rurais, a agropecuária é responsável por 0,15%, enquanto a indústria responde por 48,31% e o setor de serviços por 51,54% das atividades desenvolvidas na cidade.

Embora o percentual de participação da agropecuária no PIB possa ser considerado baixo se comparado aos demais setores da economia, é importante destacar que essa participação passou por elevação substancial (de 0,04% do PIB para 0,15% do PIB) no período entre 1999 e 2010.


MAIS NOTÍCIAS
Secretaria de Inovação e Desenvolvimento Econômico