Urbam conclui estudo sobre o lixo em São José
Atualizado em 27/09/2018 - 14:29
Coleta seletiva em mais 50 bairros
Estudo mostra que, das 14.472 toneladas/mês da coleta comum, 21,42% são passíveis de serem recicladas - Foto: Beto Faria/PMSJC

Ana Lúcia Abranches
Urbam

A Urbam (Urbanizadora Municipal) realizou a caracterização dos resíduos sólidos urbanos recebidos na Estação de Tratamento. O estudo de caracterização gravimétrica* foi feito com objetivo de conhecer a composição - tipos e quantidades dos resíduos movimentados pela coleta comum, coleta seletiva, coleta de limpeza urbana, varrição, assim como dos rejeitos (materiais não passíveis de reciclagem) do Centro de Triagem.

A caracterização foi feita em 202 amostras em dias e viagens de diferentes regiões, num período de quatro meses.

O estudo mostra que das 14.472 toneladas/mês da coleta comum – 21,42% são passíveis de serem recicladas, ou seja, os resíduos deveriam ser destinados à coleta seletiva pela população, 57,15% são matéria orgânica e 18,22% são rejeitos.

O resíduo sólido urbano é formado pela coleta comum (81%), coleta seletiva (7%) e coleta de limpeza urbana (12%).

Orgânico

Das 1230 toneladas/mês da coleta seletiva – 27,65% não são passíveis de reciclagem. Ou seja, materiais orgânicos como restos de alimentos, terra, fraldas descartáveis, roupas, sapatos, guardanapos sujos e outros destinados pela população, junto com os recicláveis, deveriam ser disponibilizados para a coleta comum.

Este estudo representa um diagnóstico fiel dos materiais que compõem os resíduos sólidos gerados pela população joseense. Seus resultados colaboram na tomada de decisões pelo poder público para a melhoria das ações educativas nas regiões problemáticas, nas propostas de tratamentos para os resíduos e nas correções dos serviços de coletas e destinações finais destes materiais.

A média de geração de resíduos per capta joseense é de 0,81 kg/dia, levando-se em consideração uma população estimada de 713 mil habitantes.

A caracterização utilizou a técnica do quarteamento (amostragem dos resíduos), conforme previsto na norma ABNT NBR 10.007/2004 e nos procedimentos da Cetesb.

*Gravimetria é um processo que faz a determinação dos componentes e de suas porcentagens em peso e volume em uma amostra dos resíduos sólidos.


MAIS NOTÍCIAS
Urbam