Estagiária de 74 anos diz que nunca é tarde para começar
18/09/2018 - 18:12
Estagiária da a EMEF Profª Jacyra Baracho, localizada na região sul da cidade, Zilda de 73 anos, aprendeu direitinho como ensinar a mais importante das lições: Nunca é tarde para sonhar
Zilda conquistou o sonho de cursar pedagogia trabalhar em sala de aula - Foto: PMSJC

Gisele Lopes
Secretaria de Educação e Cidadania

Destaque com o maior Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) de 2017, a Escola Municipal de Ensino Fundamental Jacyra Baracho, no Jardim Veneza, na região sul, reserva outra boa surpresa.

Com um belo sorriso no rosto, cadernos e livros nas mãos, Zilda Fabiana, de 74 anos, é uma das estagiárias que auxilia os educadores na inclusão de alunos especiais. Essa não é a primeira experiência dela na área da educação. A estudante de pedagogia já atuou em outra ocasião como servente de escola.

A faculdade sempre foi um sonho para Zilda, que está no terceiro ano do curso e muito orgulhosa do trabalho com as crianças. “Foi muito gratificante passar no concurso da Prefeitura para estágio em pedagogia. Estou trabalhando com alguns alunos especiais. Amo poder auxiliá-los nas aulas e acompanhar a evolução.”

Zilda ressalta que fica tão feliz nas atividades que desenvolve que nem sente cansaço. “Aqui eu consigo colocar em prática o que eu aprendo na faculdade.” Ela ressalta que a única diferença é que na escola é preciso desenvolver um atendimento mais humanizado, com um trabalho dedicado e individualizado.

“Ainda tem alguns anos pela frente, porém já me vejo formada em uma sala de aula, participando de algum projeto social com as crianças”, conclui a estagiária, que aprendeu direitinho como ensinar a mais importante das lições: nunca é tarde para começar.

MAIS NOTÍCIAS
Secretaria de Educação e Cidadania