Cephas apresenta cadeira de rodas elevatória para pessoas paraplégicas
Atualizado em 06/09/2018 - 18:50
cadeira de rodas
A cadeira de rodas permite que, através de um controle remoto, a estrutura articulada eleve a cadeira para a posição vertical - Foto: Divulgação

Quitéria Melo
Fundhas

Nesta sexta-feira (7), durante as festividades do desfile da Independência, na rua 15 de Novembro, na região central, o público poderá conhecer a cadeira elevatória que possibilita ao portador de paraplegia ficar de pé através de um sistema de dobradiças e um motor de portão elétrico que foi adaptado para a função, possibilitando acesso a lugares mais altos.

De acordo com os idealizadores, é possível por exemplo que uma pessoa paraplégica possa pegar um objeto na parte de cima de um armário e até  fazer as próprias refeições com mais comodidade e ainda possibilita exercitar as extensões do corpo.

A inovação foi desenvolvida no final do primeiro semestre pelos alunos do curso de mecânica do Cephas (Centro de Educação Profissional Hélio Augusto de Souza).

O objetivo do projeto experimental foi proporcionar uma maior qualidade de vida aos paraplégicos, possibilitando que o usuário possa ter mobilidade para realizar tarefas simples do dia a dia, como buscar itens nas prateleiras de um supermercado.

Funcionamento do experimento

A cadeira de rodas permite que, através de um controle remoto, a estrutura articulada eleve a cadeira para a posição vertical - o que permite que o cadeirante fique na posição ereta, protegido por dois cintos de segurança. Para retornar à posição inicial, basta apertar novamente o controle remoto.

Dados técnicos

  • Capacidade de carga: 70kg
  • Motor de acionamento: Motor elétrico de 220V, alimentado por bateria de 12V potencia de 1/4 HP, utilizando um inversor de tensão.
  • O equipamento tem autonomia de 8 horas, podendo ser recarregada com carregador compatível em qualquer ponto disponível.
  • Foram utilizados cintos e estofados automotivos.

Sobre o Cephas

O Cephas é uma escola técnica da Fundhas (Fundação Hélio Augusto de Souza), mantida pela Prefeitura de São José dos Campos, que incentiva a inclusão social por meio da educação profissional, oferecendo cursos técnicos gratuitos e de qualificação profissional. O Centro fica à rua Tsunessaburo Makiguti, 399 - Floradas de São José, São José dos Campos. 


MAIS NOTÍCIAS
Fundhas