Mostra de Ginástica, Dança e terceira Idade lota o Teatro Municipal
Atualizado em 27/10/2018 - 10:24
Mostra de Dança  Teatro Municipal 26 10 2018
Evento que está na 22ª edição acontece durante todo o fim de semana, com duas sessões por dia - Foto: Charles de Moura/PMSJC

Thiago Fadini
Secretaria de Esporte e Qualidade de Vida

As cortinas do Teatro Municipal de São José dos Campos abriram-se oficialmente na noite desta sexta-feira (26) para a 22ª edição da Mostra de Ginástica, Dança e 3ª Idade. O evento, realizado pela Prefeitura de São José dos Campos, terá sessões ainda nas noites deste sábado e domingo.

Tradicional na cidade, a Mostra reúne cerca de 1.300 artistas que são alunos da escolinhas municipais espalhadas por 35 unidades esportivas. Ao todo, 23 professores participam com as coreografias e apoio do evento. Os alunos ganharam convites para distribuir aos familiares e amigos para que pudessem prestigiar o evento. Eles lotaram a plateia do teatro.

A professora Karina Aparecida Durant, 34 anos, liderou o grupo de jazz iniciante de 18 meninas do Centro Esportivo Casa do Jovem, na região norte, do qual Ana Clara, 11 anos, é integrante. Ela contou que a coreografia, que neste ano se pautou pelo tema "Mitologia Grega - Pandora", é fruto e coroa todo o trabalho de um ano.

"A preparação é toda no primeiro semestre, onde são desenvolvidos todos os exercícios. A base do jazz é o ballet clássico, as posições de pés, braço. No segundo semestre a gente começa a parte coreográfica, de criação, dos temas, e tudo o que colocamos na coregrafia é tudo o que elas aprenderam no primeiro semestre", disse Karina, que leciona na Prefeitura há mais de 12 anos.

Ana Clara não tem medo de dizer que errou "algumas vezes, sim" durante a aprendizagem, mas fala com orgulho da evolução posterior. "Achei um pouco difícil no começo, mas depois eu consegui", contou.

Ela, assim como grande parte dos alunos que iam se apresentar nas sessões de 18h30 e 20h30 desta sexta, levaram os pais para acompanhar o espetáculo. E a influência de Ana Clara para a dança veio diretamente da família. "Na verdade foi a minha avó que incentivou, aí a gente começou e gostou. Aí eles (pais) colocaram a gente no jazz", completou a menina, que também tem uma irmã menor iniciando na dança.

A professora Karina reforçou a importância de se fomentar eventos como a Mostra e classificou a dança como uma atividade completa".

"A gente trabalha desde o desenvolvimento motor até a questão de autoestima. As crianças estão vindo cada vez mais com alguns distúrbios e questões psicológicas. Trabalha a desinibição, a criança fica mais extrovertida, trabalha a criatividade deles e como as crianças são mais sedentárias hoje, a gente acaba trabalhando o físico. É a construção do ser humano como um todo", afirmou Karina Aparecida Durant.

Programação

Dias
26 a 28 de outubro – Teatro Municipal
23 a 25 de novembro – Teatro Municipal

Horário das sessões
Sextas-feiras e sábados - 18h30 e 20h30
Domingos - 17h e 19h


MAIS NOTÍCIAS
Secretaria de Esporte e Qualidade de Vida