Ação do Dia Mundial de Combate à Aids acontece nesta sexta
Atualizado em 29/11/2018 - 12:05
Dia Mundial de Combate a AIDS  / Praça Matriz
Na praça Afonso Pensa, haverá distribuição de preservativos e panfletos, além de testes rápidos de HIV por meio de fluído oral - Foto: Charles de Moura/PMSJC

Nei José Sant'Anna
Secretaria de Saúde

A Prefeitura de São José dos Campos, por meio da Secretaria de Saúde, promove nesta sexta-feira (30) uma ação de conscientização sobre a Aids e as ISTs (Infecções Sexualmente Transmissíveis), em razão do Dia Mundial de Combate à Aids (1º de dezembro). O evento acontece na praça Afonso Pena, em frente ao COI (Centro de Operações Integradas), das 8h às 16h.

No local haverá distribuição de preservativos e panfletos, além de testes rápidos de HIV por meio de fluído oral. A ação tem como objetivo conscientizar a população sobre os riscos destas doenças e, principalmente, informar sobre as formas de apoio e tratamento.

Em complemento ao evento, durante toda a próxima semana – de 3 a 7 de dezembro – as unidades básicas de saúde e o CRMI (Centro de Referência de Moléstias Infecciosas) vão intensificar a realização de testes rápidos de HIV e Sífilis e reforçando a distribuição de material informativo sobre essas doenças.

Teste rápido

O teste rápido demora em torno de 20 minutos, podendo se estender por mais tempo no pós-aconselhamento dependendo do resultado. Todos os casos positivos são encaminhados ao CRMI para o acompanhamento (exames específicos) e tratamento (antirretroviral, antibióticos, antifúngicos, etc), que é inteiramente gratuito.

Os casos

Em São José dos Campos, de janeiro a julho deste ano, foram diagnosticados 110 casos novos de HIV/Aids pela Secretaria de Saúde. Destes, 46 pacientes já manifestaram os sintomas da doença e 64 são soropositivos para o HIV. Todos são acompanhados pelo CRMI (Centro de Referência de Moléstias Infecciosas).

Atualmente, 2.719 estão em tratamento da Aids na unidade, que atende na Rua Amin Assad 200, Jardim São Dimas, de segunda a sexta-feira, das 7h às 18h. Lá eles recebem acompanhamento com uma equipe multiprofissional e retiram seus medicamentos gratuitamente.


MAIS NOTÍCIAS
Secretaria de Saúde