Orientadora de oficina de balé já foi aprendiz no ‘Arte nos Bairros’
Atualizado em 26/03/2018 - 09:48
Fundação Cultural Cassiano Ricardo
Josiane, que já foi aprendiz das oficinas culturais, ministra aula de balé no Centro Cultural Clemente Gomes - Foto: Paulo Amaral/FCCR - Foto: PMSJC

Avelino Israel
Fundação Cultural Cassiano Ricardo

A dança sempre esteve presente na vida da bailarina Josiane Reis. Quando criança, observava as duas irmãs mais velhas seguindo o ritmo da dança. O exemplo foi essencial e, aos 8 anos, ela começou a frequentar aulas de balé no Programa Arte nos Bairros, da Fundação Cultural Cassiano Ricardo. 

Quase vinte anos depois, Josiane passou a ser professora da modalidade e, hoje, é orientadora no Centro Cultural Clemente Gomes. 

A história de Josiane na dança se mistura com a da sua família. Sua irmã mais velha, Carolina Reis, foi a primeira brasileira a ser aprovada na Escola de Balé Bolshoi, na Rússia. Atualmente, Josiane tem sua própria academia de dança, juntamente com Carolina e outras duas irmãs, Elizabeth e Nathália. 

“A dança sempre foi uma forma de nos unirmos, transmitir amor e superar barreiras”, afirmou Josiane. 

Como orientadora da oficina cultural de balé, Josiane espera que a dança contribua com diversos fatores na vida dos aprendizes, não só artísticos. “Quando começamos a encarar o mundo por meio da arte, conseguimos nos importar com o outro”, afirmou. 

E mesmo sabendo que nem sempre todos os alunos seguirão o meio artístico, Josiane vê o crescimento pessoal como algo essencial para quem pratica a dança. “O importante é esse poder deles se transformarem”, acrescentou. 

Programa Arte nos Bairros

A oficina de balé é uma das muitas oferecidas pela Fundação Cultural, por meio do Programa Arte nos Bairros e, atualmente, conta com 448 alunos matriculados (339 crianças de 6 a 9 anos e 109 de 10 a 12 anos). Para quem não conseguiu se inscrever anteriormente, ainda há 112 vagas disponíveis (67 para de 6 a 9 anos e 45 de 10 a 12 anos).

Para se inscrever, é só procurar uma das casas de cultura da Fundação Cultural, levando documento da criança e do responsável.

Centro Cultural Clemente Gomes

Av. Olivo Gomes, 100 – Parque da Cidade – Santana

(12) 3924-7300


MAIS NOTÍCIAS
Fundação Cultural Cassiano Ricardo