Oficinas estimulam empreendedorismo entre estudantes
Atualizado em 13/03/2018 - 16:07
Oficina de empreendedorismo
Cerca de 90 alunos do 9º ano da Emef Profª Áurea Cantinho participaram da primeira oficina de empreendedorismo no Cedemp nesta terça (13) - Foto: PMSJC

Paula Pessoa
Secretaria de Educação e Cidadania

"Quem é criativo aqui?” -- a pergunta da professora desafia os alunos que participam das primeiras oficinas de empreendedorismo da rede municipal de São José dos Campos, onde a lição principal é aprender a empreender na vida. Nesta terça-feira (13), o Cedemp (Centro de Educação Empreendedora), na região sul, recebeu as primeiras turmas de alunos para as oficinas.

Cerca de 90 estudantes do 9º ano da Emef Profª Áurea Cantinho Rodrigues, na região centro, participaram deste primeiro encontro, que é destinado a todos os alunos dos anos finais do ensino fundamental da rede. As características do comportamento empreendedor, criatividade e inovação, são alguns dos temas abordados. 

A oficina é dinâmica e conta com vídeos e atividades práticas em grupo. Entre as atividades, os estudantes tiveram que dar uma nova função aos objetos comuns do dia a dia, como chapéus e canetas, e depois tentar convencer os colegas de classe a comprarem suas ideias. “O trabalho deles inovarem a partir de algum objeto qualquer é para pensarem fora da caixa, eles começam a inovar, a criatividade começa a aflorar e a gente trabalha esse desenvolvimento. Espero que o projeto transforme vidas, queremos que eles sejam protagonistas das vidas deles para empreender tanto na vida quanto na carreira“, explicou a professora Talita Alves. 

“As oficinas são importantes e muito legais, a gente aprende muitas coisas novas e diferentes. Isso que a gente está fazendo de tentar inovar a partir de um objeto qualquer foi o mais legal de hoje”, disse o aluno do 9º ano, Igor Marques, de 14 anos. 

Os estudantes estão animados também com a oportunidade de poderem expor os projetos desenvolvidos durante as aulas e oficinas na Empreende, feira de empreendedorismo que reúne trabalhos elaborados por alunos do 6º ao 9º ano do ensino fundamental da rede de ensino municipal. A aluna Isabela Alice Alves da Silva, de 13 anos, também do 9º ano, se diz animada para definir o projeto que poderá expor na feira. “É a primeira vez que participo dessas oficinas e estou gostando, nunca tive uma experiência dessa, é uma atividade diferente e divertida que me deixa animada e ansiosa pelo projeto", afirmou. 

Desde 2017, a Prefeitura de São José dos Campos, por meio da Secretaria de Educação e Cidadania, está retomando os projetos de empreendedorismo na rede de ensino municipal. Através das atividades, os alunos desenvolvem valores como o trabalho em equipe, a disciplina e o comprometimento. O trabalho vai de encontro à missão das escolas municipais de formar cidadãos com escolhas responsáveis e visão empreendedora em todos os segmentos da vida.

Empreende

Em 2017, cerca de 3.700 pessoas passaram pela feira durante os dois dias de evento e puderam conhecer 149 trabalhos desenvolvidos por alunos e expostos no local. As iniciativas empreendedoras apresentadas foram pensadas para o mercado e variaram entre aparelhos eletrônicos, aplicativos para celular e novos negócios na área de tecnologia, saúde e bem-estar.

Ao todo, 18 trabalhos foram premiados com medalhas e troféu pelos 1º, 2º e 3º lugares em cada categoria, de acordo com a faixa etária dos alunos, e os temas aprendidos em sala de aula durante o ano (educação financeira, educação fiscal e educação).

O objetivo do Empreende é oferecer a oportunidade de troca de experiências entre alunos e a comunidade, enaltecendo o protagonismo dos estudantes da rede e ampliando as discussões sobre empreendedorismo.


MAIS NOTÍCIAS
Secretaria de Educação e Cidadania