Idosos participaram do programa Viver a Melhor Idade sem Traumas
Atualizado em 12/03/2018 - 17:59
Programa Melhor Idade sem Trauma  Casa Idodo Sul  12 03 2018
A palestra "Mobilidade Segura, Atitude de Todos" abordou temas como caminhar em segurança pelas ruas, respeito à sinalização, acessibilidade, direitos e deveres no trânsito, entre outros - Foto: Charles de Moura/PMSJC

Juliana Costa
Secretaria de Apoio Social ao Cidadão

Começou, nesta segunda-feira (12), o ciclo de palestras do Programa Viver a Melhor Idade sem Traumas, que será apresentado nas unidades da Casa do Idoso (Centro, Sul, Leste e Norte). O objetivo é orientar as pessoas acima dos 60 anos sobre os riscos de quedas, acidentes domésticos, traumas, cuidados nas ruas, entre outros, para que tenham melhor qualidade de vida.

Na Casa do Idoso Sul, os frequentadores receberam a médica ortopedista do Hospital Municipal, Laís Pinheiro, que falou sobre "Riscos e Consequências das Quedas" e o agente de trânsito, Daniel Rangel Monteiro, que abordou o tema "Mobilidade Segura, Atitude de Todos". 

Mais de 70 idosos puderam tirar as dúvidas e aprender um pouco mais os temas, como o João Vicente da Costa, 65 anos, do bairro Jardim Colonial que já sofreu três quedas dentro de casa. “Já cai dentro do banheiro, na sala e na última queda bati com a cabeça na quina da parede. Também já cai na rua quando estava chegando em casa. Acho importante essas palestras, são muito boas e nos incentivam a colocar em prática algumas coisas que eles ensinam aqui”, afirmou.

Para a Maria do Rosário de Sousa Ramos, 62 anos, moradora do Jardim Satélite, a palestra tem ação multiplicadora. “Tudo que eu aprendo aqui eu levo para meus parentes e amigos porque a palestra não é só para nós que estamos na Terceira Idade, é para todos. Para mim, participar é muito importante. Caio muito, já até coloquei barra dentro do box para me segurar na hora do banho”, disse.

De acordo com dados do Hospital Municipal, de agosto a janeiro de 2017, 84 pacientes idosos foram operados, e três óbitos registrados durante a internação. No total de pessoas que passaram por atendimento, 59 eram mulheres e 25 homens, com uma idade média de 79, 3 anos.

O Programa 

As palestras integram o programa "Viver a Melhor Idade sem Traumas", iniciado em outubro de 2017 de forma integrada entre várias secretarias da Prefeitura como Saúde, Educação, Esportes, Apoio Social ao Cidadão e Fundhas (Fundação Hélio Augusto de Souza). Profissionais de todas essas pastas estão mobilizados para orientar àqueles que já passaram dos 60 anos, sobre os cuidados para evitar acidentes e viver melhor.

De acordo com o censo do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) realizado em 2010, São José dos Campos conta com uma população de mais de 60 mil pessoas acima dos 60 anos. 

Programação 

 

Casa do Idoso Centro (3909-8600 / 3909-8611 / 3909-8612)

Dia 13, às 14h30

Rua Euclides Miragaia, 508, Centro

 

Casa do Idoso Norte (3966-2360)

Dia 14, às 14h30

Rua Carlos Belmiro dos Santos, 99, Santana

 

Casa do Idoso Leste (3921-5666)

Dia 15, às 14h30

Rua Cidade de Washington, 164, Vista Verde


MAIS NOTÍCIAS
Secretaria de Apoio Social ao Cidadão