Mulheres participaram de atividades especiais nesta quinta
Atualizado em 09/03/2018 - 10:19
Dia da Mulher Largo São Benedito  08 03 2018
Dia Internacional da Mulher teve aula de maquiagem no centro da cidade - Foto: Charles de Moura/PMSJC

Juliana Costa
Secretaria de Apoio Social ao Cidadão

Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, a Prefeitura de São José dos Campos por meio da Secretaria de Apoio Social ao Cidadão, realizou nesta quinta-feira (8) atividades variadas em diferentes pontos da cidade.

O dia começou cedo, às 7h, com uma turma animada de idosos, mulheres e homens, da Casa do Idoso Leste, que se concentrou em frente à unidade e dali seguiram juntos até o Parque da Cidade para a Caminhada Rosa, às 8h30, na região norte. Após a caminhada, todos participaram de um aulão de ritmos encerrando a manhã com um café colonial.

Paralelo a essa atividade, todas as outras unidades seguiram o roteiro programado, que incluiu oficina “Mulheres”; massoterapia; palestra sobre "O Papel Social da Mulher"; bate-papo com o tema  Violência contra Mulher; a encenação de uma peça teatral intitulada “Linha do Tempo da Mulher Brasileira”, criada pelos profissionais da Casa do Idoso Norte e interpretada pelos próprios idosos; a exposição da obra “Meu Livro de Memórias”, um compilado de poesias escrito por Maria Regina de Oliveira Becker, frequentadora da mesma Casa; trabalhos artesanais e muita dança. As atividades reuniram cerca de 500 idosos.

No centro da cidade, no Largo São Benedito, desde às 9h, todas as mulheres que por ali passavam tiveram a oportunidade de aferir a pressão, medir o índice glicêmico, participar do espaço beleza, com limpeza de pele, maquiagem, cabelo, apresentações culturais, aula de ritmos, demonstração de como usar turbantes, feira de artesanato e ainda participaram de um sorteio que ofereceu 20 exames de mamografias e 70 Papanicolaus gratuitos.

Magnólia Liberal, 55 anos, moradora do Jardim Augusta (região centro), estava passando próxima ao local e quando viu o que estava acontecendo resolveu conferir de perto. Resultado: Ficou para a aula de maquiagem e saiu usando um lindo turbante. “Fiquei encantada, estou achando tudo maravilhoso. Às vezes a gente esquece que é mulher, ficamos só cuidando da casa, do marido, do filho e esquecemos da gente. Então parei um pouquinho aqui para me cuidar. Tenho que cuidar de mim nem que seja só 20 minutos, meia hora, para depois cuidar do outro”, afirmou.

“Me chamou muito a atenção as meninas aqui dançando, fazendo o cabelo e resolvi parar. Eu acho que nós mulheres precisamos de coisas assim. Hoje temos mais liberdade, embora ainda existam dificuldades, ainda mais para nós negras. Graças a Deus, em vista do que era antes, estamos bem melhor. Eu me sinto muito acolhida e respeitada aqui em São José”, disse Edna Alves da Silva, 60 anos, moradora do bairro Monte Castelo (região centro).

No CRAS (Centro de Referência de Assistência Social) Parque Santa Rita (região sudeste) também teve atividade logo pela manhã com a Roda de Conversa “Conhecer para combater”.

No final do dia, o Centro da Juventude (Rua Aurora Pinto da Cunha, 131 – Jardim América), na zona sul, concentrou as demais ações. Tendas informativas abordando saúde, exposição do Sama (Serviço de Atendimento à Mulher e ao Adolescente), igualdade racial com estética e exposição da Cultura da Mulher Afro, esportes com pesos e medidas, exposição Mulheres e Artesanato e a OSC (Organização da Sociedade Civil) Centro Dandara com a exposição Penhas, além de Zumba e palestra com o tema "Famílias que Fazem a Diferença", reunindo mães, pais e parentes de dependentes químicos.

Até no jogo de basquete, onde São José enfrentou a equipe do Blumenau, as mulheres foram homenageadas. Jogadores distribuíram cerca de 80 rosas para as mulheres que estavam na arquibancada transmitindo a mensagem: lugar de mulher é onde ela quiser.

Atividades até o final do mês

As comemorações continuam até o final do mês, dia 27 de março, com rodas de conversas nos CRAS (Centro de Referência da Assistência Social) e CREAS (Centro de Referência Especializado de Assistência Social), além palestras, espaço beleza, música, aulas de ginástica, Zumba, estética da mulher negra, samba rock, exposições, rodas de conversas e dicas de saúde em todas as Casas dos Idosos.

Toda a programação durante esse mês especial marca a importância da mulher. Essas atividades culminam para o autoconhecimento das participantes, a reconstrução da própria identidade e como essas mulheres podem se relacionar com o meio que pertencem sem permitir que as desrespeitem, as agridam, não apenas fisicamente, como também psicologicamente.

O objetivo é comemorar a data, combatendo as questões de violência e focando em ações preventivas, além de informar para que haja o reconhecimento da violência, em palavras, ações e discriminações. 

Atendimento às mulheres

Em caso de violência, as mulheres podem procurar o Creas (Centro de Referência Especializado de Assistência Social) mais próximo de sua residência, localizados nas regiões, centro-norte, sul e leste para atendimento especializado. 

Programação especial

UBSs (até 9 de março)

Intensivo de exame de coleta de preventivo

 

Casa do Idoso Centro (Rua Euclides Miragaia, 508)

Dia 9

Das 10h às 11h - Dança do Ventre

10h às 16hs – Dia da Beleza

Corte de cabelos, designer de sobrancelhas, Esmaltação das unhas

14h – Dia da Beleza

Com limpeza de pele e dicas de maquiagem

 

Casa do Idoso Sul (Avenida Andrômeda, 2601, Bosque dos Eucaliptos)

Dia 9

9h – De frente com a nutricionista: “Mitos e Verdades sobre a Alimentação Feminina”

14h30 – Chá da Tarde (comunitário – traga um prato de salgado) com apresentação de Dança do Ventre.

 

Casa do Idoso Leste (Rua Cidade de Washington, 164, Vista Verde)

Dia 9

8h – Roda de conversa com a nutricionista: Dicas nutritivas para alimentação da mulher

9h – Café da manhã especial em homenagem ao Dia da Mulher

 

CRAS Parque Santa Rita (Praça Hélio Dias, 30)

Dia 9

8h30 - LBV “Conhecer para combater”

Conselho da Mulher/ Assessoria de Políticas para Mulheres (evento fechado para mães da LBV)

 

CRAS Centro /CREAS/FUNDHAS Limoeiro (Av. Corifeu de Azevedo Marques, 3346 – Limoeiro)

Dia 13

8h30 - Rodas de Conversa “Conhecer para combater”

Conselho da Mulher/ Centro Dandara Horário

 

CRAS /CREAS região Centro (Rua Humaitá, 84 – Centro)

Dia 14

8h30 - Roda de Conversa “Conhecer para combater”

Conselho da Mulher/ Centro Dandara

 

CRAS Vista Verde (Rua Cidade de Washington, 164)

8h30 - Roda de Conversa “Conhecer para combater”

Conselho da Mulher

 

CREAS SUL em conjunto com CRAS Anhembi e CRAS D Pedro

Dia 15

Centro da Juventude

Rua Aurora Pinto da Cunha, 131 – Jardim América

13h30 - Roda de Conversa “Conhecer para combater”

Conselho da Mulher/ Centro Dandara

 

CRAS Norte/CREAS (Rua Alziro Lebrão, Alto da Ponte)

Dia 16

13h30 - Roda Conversa “Conhecer para combater”

Conselho da Mulher/ Centro Dandara

 

CREAS Leste (Praça José Molina, Vila Industrial)

Dia 20

Roda de Conversa “Conhecer para combater”

Conselho da Mulher/ Centro Dandara

Evento fechado para mães assistidas

 

CRAS Eugênio de Melo/CREAS (Rua Juvenal dos Santos, 15, Galo Branco)

Dia 22

14h30 - Roda Conversa “Conhecer para combater”

Conselho da Mulher

 

CRAS Novo Horizonte/CREAS (Rua dos Pedreiros, 237)

Dias 26 e 27

8h30 - Roda Conversa “Conhecer para combater”

Conselho da Mulher


MAIS NOTÍCIAS
Secretaria de Apoio Social ao Cidadão