Judô será nova modalidade do projeto Escola Ativa em 2018
Atualizado em 06/03/2018 - 20:51
Escola Ativa
Projeto Escola Ativa incentiva o bom desempenho em sala de aula, além de poder identificar novos atletas do município. - Foto: PMSJC

Paula Pessoa
Secretaria de Educação e Cidadania

Nesta quarta-feira (7) a Prefeitura de São José dos Campos, por meio da Secretaria de Educação e Cidadania, realiza o lançamento do judô como nova modalidade esportiva do projeto Escola Ativa. O lançamento será na Emef Emmanuel Antonio dos Santos, no bairro Frei Galvão, região leste da cidade, a partir das 9h30. O objetivo do programa é unir o esporte à prática pedagógica e incentivar a dedicação aos estudos.

Os alunos da rede de ensino municipal de São José dos Campos contam com um novo projeto de incentivo ao esporte desde o último ano. O Escola Ativa oferece atividades no contraturno das aulas regulares e já atende mais de 2.000 estudantes, em 15 escolas do ensino fundamental. A novidade para 2018 é o judô como nova modalidade e a ampliação do número de escolas atendidas. A expectativa é que 20 escolas sejam participantes até o final do primeiro semestre. Além disso, as crianças dos anos iniciais, de 6 a 11 anos de idade, também serão incluídas no programa, que até então era destinado apenas para estudantes de 11 a 15 anos.

Para participar do projeto, os alunos devem apresentar bom rendimento escolar, sem ocorrências disciplinares após o início da participação nos treinos. As escolas participantes podem escolher entre futsal, handebol, vôlei, basquete e judô. Em cada escola, são selecionados 120 alunos, que serão divididos em quatro turmas. Os treinos são sempre no período da tarde e à noite e a participação dos estudantes é facultativa. O objetivo é que até os próximos dois anos todas as escolas sejam envolvidas, totalizando mais de 5.600 estudantes em treinamento.

Para a Secretaria de Educação e Cidadania, o esporte possibilita trabalhar a educação, saúde e qualidade de vida na formação do caráter de cidadãos íntegros e comprometidos com o que fazem. As práticas esportivas são bem vistas como alternativas para migrar as crianças para um mundo mais saudável.


MAIS NOTÍCIAS
Secretaria de Educação e Cidadania