Prefeitura vacina rebanho bovino contra a febre aftosa e raiva
Atualizado em 23/05/2018 - 10:29
Rebanho bovino é vacinado contra aftosa
A vacinação contra a febre aftosa é obrigatória e prossegue até o dia 30 de maio - Foto: PMSJC

Bibiano Santos
Secretaria de Inovação e Desenvolvimento Econômico

A Prefeitura de São José dos Campos está realizando a vacinação do rebanho bovino contra a febre aftosa e raiva. Do plantel de bovinos em torno de 16 mil cabeças no município, até agora já foram vacinados cerca de 12 mil, de zero a 24 meses de idade. A vacinação é obrigatória, segundo a legislação estadual.

São José dos Campos é uma das poucas cidades do país que arca com o custo da vacinação e de profissionais para aplicação das doses, sob a devida orientação do Governo do Estado. A vacinação prossegue até 30 de maio.

Também estão sendo aplicadas vacinas contra a raiva, porém somente no distrito de São Francisco Xavier. De acordo com dados do Estado, São Paulo não registra focos da aftosa há 22 anos. 

A vacinação contra aftosa é obrigatória e é realizada há cada seis meses. O criador que não vacinar ou não comunicar a vacinação à Defesa Agropecuária pode ser multado.

A coordenação da campanha é da Secretaria de Inovação e Desenvolvimento Econômico, que também é responsável pela compra e aplicação das vacinas. A vacinação obedece ao calendário oficial estabelecido pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. 

Doença

A febre aftosa é uma doença viral contagiosa e transmitida ao homem por meio do contato direto com o animal doente ou pelo consumo de leite não pasteurizado proveniente de animal infectado. A raiva bovina é geralmente transmitida pela mordedura de morcegos hematófagos.

Mais informações

Central 156


MAIS NOTÍCIAS
Secretaria de Inovação e Desenvolvimento Econômico