Intolerância e machismo são temas da peça que será apresentada no CET
Atualizado em 26/06/2018 - 18:12
Fundação Cultural Cassiano Ricardo
A peça ‘Curra – Temperos Sobre Medéia’ propõe uma reflexão ao público sobre temas que ainda são bem atuais - Foto: Rebeca Konopkinas/Divulgação - Foto: PMSJC

Avelino Israel
Fundação Cultural Cassiano Ricardo

Intolerância e machismo são atitudes que, infelizmente, continuam presentes em nossa sociedade e, por isso, merecem uma reflexão, inclusive por meio da cultura. Isto é o que propõe a peça ‘Curra – Temperos Sobre Medéia’, que será apresentada neste sábado (30), às 21h, no Centro de Estudos Teatrais (CET), pelo grupo Contadores de Mentiras. A entrada é gratuita e a recomendação etária é de 14 anos.

A peça foi estreada em 2008 pelo grupo e, de acordo com Claiton Pereira, um dos atores, “a intenção é proporcionar um novo olhar para o mito (Medéia), onde a história de uma mulher pode ser contada por outra, dando voz à cultura afro-brasileira e possibilitando que o público tenha relações sensoriais com a dança, a comida e a música que celebram a lenda”. 

O grupo Contadores de Mentiras foi criado em 1995 e já se apresentou em vários lugares dentro e fora do Brasil. Ele é formado por Daniele Santana, Claiton Pereira, Naraly Nireya, Kaique Costa, Samuel Vital, Pamela Carmo, Michael Maison (compositor), Soraia Amorin (cozinheira) e Matheus Borges (iluminação).

 

Centro de Estudos Teatrais

Av. Olivo Gomes, 100 – Parque da Cidade – Santana

(12) 3924-7300 / 7341


MAIS NOTÍCIAS
Fundação Cultural Cassiano Ricardo