Campanha de vacinação contra gripe prossegue até o fim das doses
Atualizado em 22/06/2018 - 23:52
Vacinação H1N1  Supermercado Coop Santana 12 05 2018
São José dos Campos recebeu uma nova remessa de vacinas para reabastecer as unidades básicas de saúde - Foto: Charles de Moura/PMSJC

Nei José Sant' Anna
Secretaria de Saúde

A campanha nacional de vacinação contra a gripe terminou oficialmente nesta sexta-feira (22), no entanto, a imunização vai continuar nas unidades básicas de saúde de São José dos Campos até o fim das doses. Nesta quinta (21), a Prefeitura recebeu um novo lote de 12 mil doses da Vigilância Epidemiológica do Estado para reabastecer as UBS’s.

Na última segunda-feira (18) a campanha foi aberta para dois novos grupos: crianças de 5 anos a menores de 10 anos e adultos de 50 a 59 anos. A ampliação dos grupos é uma orientação da Vigilância Epidemiológica do Estado aos municípios, com o objetivo de aumentar a cobertura vacinal.

Em São José dos Campos, foram vacinadas desde o início da campanha (23 de abril) 168.918 pessoas. Destas, 117.619 pertencem ao grupo prioritário – crianças de seis meses a menores de cinco anos de idade, gestantes, puérperas, idosos, trabalhadores de saúde e professores. O número corresponde a 84,18% do público alvo (139.604 pessoas). A meta é imunizar 90% desta população.

Em todo o país, segundo dados do Ministério da Saúde, 45,8 milhões de um total de 54,4 milhões receberam a dose. A Região Sudeste é a que tem menor cobertura vacinal contra a gripe até o momento, com 77,2%. Em seguida estão Norte (78,4%), Sul (84,8%), Nordeste (89,3%) e Centro-Oeste, com a melhor cobertura (96,5%).

Em São José dos Campos, desde o início do ano, houve 151 notificações de influenza, com 1 caso de H1N1, 3 casos de H3N2, todos sem gravidade e nenhum óbito. Do total de notificações, 63 exames foram negativos e 88 aguardam resultado.

As vacinas estão disponíveis em todas as unidades básicas de saúde do município das 8h às 17h. Para se vacinar, basta apresentar um documento com foto e a carteira de vacinação, sobretudo as crianças.

 


MAIS NOTÍCIAS
Secretaria de Saúde