Animais ganham novo lar em feira de adoção do CCZ
Atualizado em 09/06/2018 - 19:01
CCZ Feira de Animais 09 06 2018
Dona Maria de Fátima ficou muito feliz com o animalzinho adotado neste sábado - Foto: Charles de Moura/PMSJC

Quitéria Melo
Fundhas

Neste sábado (9) o Centro de Controle de Zoonoses da Prefeitura de São José dos Campos promoveu a 5ª Feira de Adoção de Cães e Gatos de 2018, em sua sede, no Parque Industrial, na região Sul.

Normalmente, a feira acontece no último sábado do mês mas foi antecipada em virtude do feriado prolongado de Corpus Christi.

Cinquenta e seis animais, entre cães e gatos, estavam disponíveis para a doação e disputavam a atenção de quem saiu em busca de um animal de estimação. Cada pessoa interessada chegava com uma história de motivação diferente, como a de dona Maria de Fátima Pereira, 53 anos. Ela saiu de sua casa no bairro Minas Gerais, na zona norte,  certa de que encontraria uma nova companhia e não hesitou em adotar uma cachorrinha.

“Eu soube pela internet e vim correndo procurar uma companhia para me fazer feliz, já que não tenho crianças. Já tive dois cachorros e todos eles eu adotei pequeninos, como essa”, disse dona Maria de Fátima.

Derick Kauan Pereira Sales, 12 anos, compareceu acompanhado da família toda para ajudar a mãe a encontrar um cachorrinho para preencher o espaço do animal que havia morrido. Em pouco tempo, estavam assinando toda a documentação e levando consigo um filhote mestiço de pitbull.

“Ele já tem um nome. Vai se chamar Zeus”, disse Derick, abraçado e emocionado com a escolha que a família fez. E Zeus não desgrudou, totalmente em sintonia com o  novo dono. “Chegando em casa ele já vai ter uma caminha bem quente”, completou o garoto.

Sorte parecida com a de Zeus teve uma pequena gata de olhos azuis que também já saiu com um nome. “Pulga” terá um novo lar a partir deste sábado. Ana Paula Alonso, 33 anos, moradora do Bosque dos Eucaliptos, zona sul, se apaixonou por ela assim que a olhou pela primeira vez.

“Não sei como alguém tem coragem de fazer mal a um bichinho tão lindo assim. Eu e meu marido estávamos procurando há tempo por uma companheira para a nossa outra gata. Nós adoramos animais e vamos fazê-la muito feliz”, disse.

Sobre os animais

Todos os animais para a doação são vacinados, vermifugados e castrados (adultos). Atualmente, o CCZ conta com 116 animais em seu canil, muitos deles sob tratamento veterinário.

Os interessados em adotar algum animal precisam ser maiores de idade e comparecer ao CCZ portando RG e CPF.

Tipos de adoção

Existem dois tipos de adoção. O primeiro para animais saudáveis e castrados, a maioria, onde é preenchido um Termo de Adoção, em que a pessoa toma ciência dos cuidados e da posse responsável em manter o animal devidamente vacinado, vermifugado, abrigado e alimentado adequadamente.

O outro tipo de adoção é para animais filhotes, que ainda não têm idade para serem castrados (menos de seis meses) ou animais especiais (que portam doenças crônicas ou físicas), que exigem cuidados maiores para a manutenção da sua saúde. Neste caso, é feito um Termo de Adoção Direcionada, onde há compromissos com o CCZ para que sejam realizadas a castração e os cuidados preservados.

É permitido um período de experiência por 15 dias, em ambas as situações, para avaliação e adaptação do animal aos novos donos e moradia. Após esta etapa, o animal é considerado de fato adotado e não há possibilidade mais de devolução.


MAIS NOTÍCIAS
Fundhas