Obra da terceira faixa da av. Lineu de Moura ganha asfalto ecológico
Atualizado em 08/06/2018 - 10:35
Obra da avenida Lineu de Moura, na região oeste de São José dos Campos, ganha asfalto ecológico
Classificado como sustentável, o asfalto ecológico é considerado uma boa alternativa porque concilia o desenvolvimento urbano e a preservação ambiental - Foto: PMSJC

Giselle Marinho
Secretaria de Mobilidade Urbana

As obras de prolongamento da terceira faixa da avenida Lineu de Moura chegaram à etapa de pavimentação com inovação no produto utilizado. Pela primeira vez em São José dos Campos, será usado o asfalto ecológico.

Classificado como sustentável por contribuir para a redução do uso de matérias-primas não renováveis, este tipo de pavimento é considerado uma boa alternativa porque concilia o desenvolvimento urbano e a preservação ambiental.

O material utilizado é o asfalto-borracha, obtido a partir da combinação entre pó de borracha de pneus e ligante asfáltico. O asfalto ecológico está sendo aplicado em um trecho de cerca de 280 metros.

A produção do asfalto ecológico começa a partir da captação de pneus que seriam descartados no meio ambiente. Esta ação, por si só, já representa um considerável avanço ecológico, pois garante a reciclagem dos pneus e evita que grandes quantidades de lixo se acumulem na natureza.

Esses pneus são triturados e, em seguida, o pó de borracha resultante é misturado ao ligante asfáltico. O resultado dessa mistura é aplicado nas ruas, avenidas e estradas. 

Mais segurança

A ampliação da terceira faixa da avenida Lineu de Moura vai trazer benefícios aos moradores e motoristas que trafegam pelo local, além dos ciclistas que vão ganhar uma conexão com a ciclovia da Via Oeste. O resultado deste investimento é mais segurança no deslocamento de todos.

Os trabalhos para realocação das calçadas, implantação da ciclovia continuam em andamento. A previsão para conclusão total da obra é de 30 dias.

Sem custos

Essa obra viária não tem custo para o município, uma vez que está sendo feita por empreendedores da região como contrapartida aos impactos gerados no trânsito em razão da expansão dos estabelecimentos.

Outro exemplo de obra de contrapartida é a da avenida Jorge Zarur, próximo a rotatória do bairro Jardim Colinas, que vai minimizar os impactos gerados pela ampliação do supermercado instalado no local.

No trecho em frente ao empreendimento será criada uma terceira faixa, medida vai permitir que os motoristas possam continuar contando com duas pistas para o trânsito, além da faixa que dá acesso ao estabelecimento. Neste caso, a previsão para conclusão dos trabalhos é de 90 dias. As intervenções de maior porte no trânsito estão previstas para o período noturno, fora dos horários de pico.


MAIS NOTÍCIAS
Secretaria de Mobilidade Urbana