Idosos aprovam minicurso de orquídeas da Fundhas
Atualizado em 08/06/2018 - 18:08
Minicurso de Orquídeas
Idosos aprendem sobre as etapas do plantio de orquídeas - Foto: Divulgação

Quitéria Melo
Fundhas

Na manhã desta sexta-feira (8), 18 frequentadores das unidades Sul e Leste da Casa do Idoso participaram de um minicurso de orquídeas e uma visita monitorada pelo Centro de Estudos Ambientais e de Empreendedorismo Ecológico da Fundhas (Fundação Hélio Augusto de Souza), que conta com um orquidário com mais de 500 vasos de mudas de orquídea.

No minicurso, os idosos aprenderam técnicas básicas de cultivo da orquídea, desde a preparação do substrato até o plantio. De substrato foi usado casca de árvore, fibra de palmeira e para segurar a umidade do vaso, bolinhas de argila expandida. No curso, eles também aprenderam que o mais importante é sempre observar as estruturas da planta ou da raiz, para saber se ela precisa de luz, sombra e água.

Lucrécia Rosa Santiago, de 64 anos, da Casa do Idoso Sul, gostou da oficina e disse que quer ser chamada para a próxima. “Eu gostei de vir aqui porque é um lugar que você se sente no paraíso e eu acho a orquídea a mais bonita de todas as flores".

José Benedito Moreira, de 74 anos, da Casa do Idoso Leste, também aprovou a experiência. “Eu sou da roça, mas não tenho o costume de plantar essas flores, então foi uma experiência muito boa, além de a gente ter sido muito bem tratado aqui. Aprendi muito". 

“Eu amei tudo, adoro planta e o lugar aqui é lindo. Não tenho o costume de plantar orquídeas, mas achei a flor muito interessante", disse Maria de Fátima Gonçalves, de 66 anos, da Casa do Idoso Sul. Para ela, as pessoas têm de se preocupar diariamente com meio ambiente. "Na minha casa eu reciclo tudo, eu reutilizo pó de café, casca de ovo, banana, eu não perco nada”, afirmou.

Ao final do minicurso, cada idoso recebeu certificado de participação, além de degustarem chá de erva cidreira e provar geleias de goiaba e acerola feitas pelos alunos da Padaria Escola da Fundação, com produtos colhidos no Centro de Educação Ambiental.

A Instituição

A Fundhas é mantida pela Prefeitura de São José dos Campos e atende gratuitamente crianças e adolescentes, de 6 a 18 anos, que participam de atividades no contraturno escolar, com atividades educacionais como música, dança, teatro, artes e uma atenção especial ao reforço escolar. Esporte e cultura também fazem parte do dia a dia dos alunos, que ainda aprendem a cuidar do meio ambiente.

Sobre o Centro

O Centro de Educação Ambiental e Empreendedorismo Ecológico foi inaugurado no dia 31 de outubro de 2017 e serve de plataforma para o desenvolvimento de ações empreendedoras, com base na sustentabilidade, oferecendo um aprendizado diferenciado a alunos e profissionais da Fundhas e do Cephas (Centro de Educação Profissional Hélio Augusto de Souza). 


MAIS NOTÍCIAS
Fundhas