Feira de Adoção de Cães e Gatos retorna no próximo sábado
Atualizado em 05/06/2018 - 11:13
Feira de Adoção de cães e gatos  CCZ  27 01 2018
A feira do próximo sábado, no Centro de Zoonoses, tem 56 animais disponíveis para adoção - Foto: Charles de Moura/PMSJC

Nei José Sant' Anna
Secretaria de Saúde

O Centro de Controle de Zoonoses da Prefeitura de São José dos Campos promove neste sábado (9), das 8h30 às 13h30, a 5ª Feira de Adoção de Cães e Gatos de 2018 em sua sede, localizada à rua rua George Willians, 581, Parque Industrial, na região sul.

Normalmente, a feira acontece no último sábado do mês. No entanto, em razão do feriado prolongado de Corpus Christi, o evento teve a data transferida.

Nesta 5ª edição da feira estarão disponíveis para adoção 56 animais. Destes, são 51 cães, sendo 25 adultos (15 machos e 10 fêmeas), 12 adultos especiais (11 machos e 1 fêmea) e 14 filhotes (8 machos e 6 fêmeas), além de 5 gatos, sendo todos adultos.

Todos os animais são vacinados, vermifugados e castrados (adultos). Hoje, o CCZ conta com 116 animais em seu canil, muitos deles sob tratamento com veterinário.

Os interessados em adotar algum animal precisam ser maiores de idade e comparecer ao CCZ portando RG e CPF.

Existem dois tipos de adoção. O primeiro para animais saudáveis e castrados, a maioria, onde é preenchido um Termo de Adoção, em que a pessoa toma ciência dos cuidados e da posse responsável em manter o animal devidamente vacinado, vermifugado, abrigado e alimentado adequadamente.

O outro tipo de adoção é para animais filhotes, que ainda não têm idade para serem castrados (menos de 6 meses) ou animais especiais (que portam doenças crônicas ou físicas), que exigem cuidados maiores para a manutenção da sua saúde. Neste caso, é feito um Termo de Adoção Direcionada, onde há compromissos com o CCZ para que sejam realizadas a castração e os cuidados preservados.

É permitido um período de experiência por 15 dias, em ambas as situações, para avaliação e adaptação do animal aos novos donos e moradia. Após esta etapa, o animal é considerado de fato adotado e não há possibilidade mais de devolução.


MAIS NOTÍCIAS
Secretaria de Saúde