Prefeitura inicia convocação de 30 médicos que prestaram concurso
Atualizado em 31/07/2018 - 18:52
Médica recém-contratada pela Prefeitura
Entre as médicas estava Débora Albernaz, 32 anos, que ficou em primeiro lugar em sua categoria no concurso e está com as malas prontas para se mudar do Rio de Janeiro para São José - Foto: PMSJC

Nei José Sant' Anna
Secretaria de Saúde

A Prefeitura de São José dos Campos iniciou, nesta segunda-feira (30), a convocação de 30 médicos que prestaram concurso público para atuar nas especialidades de clínico geral, ginecologia/obstetrícia e pediatria. As vagas que estão sendo preenchidas são para cargos efetivos – 10 de cada especialidade –, com jornada de 20 horas semanais nas unidades básicas de saúde (UBS's).

As primeiras 20 convocações realizadas foram para as especialidades de clínico geral e ginecologia, sendo que dos 20 convocados iniciaram procedimento para admissão 14 profissionais, sendo 7 ginecologistas e 7 clínicos gerais. As 10 médicas convocadas para trabalhar na pediatria foram chamadas, nesta terça-feira (31), para apresentar a documentação solicitada e selecionar as UBS's que irão atuar.

Entre as médicas estava Débora Albernaz, 32 anos, que ficou em primeiro lugar em sua categoria no concurso e está com as malas prontas para se mudar do Rio de Janeiro para São José. Quando iniciar seu trabalho na UBS do Morumbi e Residencial União, ela espera fazer um bom atendimento a população. "Admiro o serviço público, porque quando ele é bem feito tem o poder de ajudar muitas pessoas que precisam", afirmou.

Outra médica que inicia seu processo de admissão para integrar a equipe da UBS do Putim é Beatriz Mariano, 30 anos, recém-chegada de Goiânia, ela trabalha há quatro meses na rede particular da cidade, mas viu com o concurso público a possibilidade de construir uma carreira sólida. "Em minha formação tive muito contato com o atendimento público e agora na UBS do Putim espero ajudar os pacientes e conhecer mais da cidade", disse.  

Com a chegada destes novos profissionais, que deverão começar a trabalhar nas unidades básicas em setembro, a população será beneficiada com uma diminuição considerável no tempo de espera por consultas. Hoje, em média, com o aumento das consultas com os médicos credenciados, o tempo aproximado de espera em algumas UBS’s chega a ser inferior a 30 dias.

A contratação dos 30 médicos irá impactar diretamente a rede de saúde do município com 8 mil consultas ao mês, sendo 3.200 de clínico geral, 2.400 de ginecologia e 2.400 pediatria, oferecendo aos munícipes um reforço na qualidade do atendimento.

Além dos médicos concursados e credenciados, as unidades básicas do município ganham melhorias desde o ano passado com a implementação do programa UBS Resolve, que possibilita a coleta de material para exames laboratoriais em sua própria unidade básica, e dos novos procedimentos, como a agenda aberta de consultas, sistema de acolhimento pela equipe de enfermagem e adoção de protocolos de assistência médica.


MAIS NOTÍCIAS
Secretaria de Saúde