Junta Militar normatiza alistamento online em São José
Atualizado em 05/01/2018 - 15:02
TIRO DE GUERRA
No ano de seu centenário, o Tiro de Guerra de São José deve receber 100 jovens ingressantes. - Foto: Claudio Vieira/PMSJC

Rodrigo Simões Machado
Secretaria de Proteção ao Cidadão

Cerca de 6.000 jovens de São José dos Campos, nascidos no ano 2000, deverão passar pelo processo de alistamento militar para o Tiro de Guerra (TG) e o DCTA (Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial), no município e em outras unidades do Exército, em Caçapava. O Ministério da Defesa disponibilizou o alistamento online em todo território nacional, pelo site www.alistamento.eb.mil.br.

A partir deste ano, a seleção passa a ser feita em uma plataforma online, com todas as fases de recrutamento. As inscrições devem ser feitas até o dia 30 de junho.

A Junta Militar está pronta para esclarecer dúvidas e orientar os joseenses no processo seletivo para o serviço militar inicial, assim como regularizar a situação daqueles que estiverem em débito com as suas obrigações militares e expedir a documentação comprobatória da situação militar de cada cidadão.

No Tiro de Guerra de São José, onde a Prefeitura mantém convênio com a instituição fornecendo as instalações e a manutenção do prédio, serão 100 novos jovens ingressantes. Neste ano, o TG completa 100 anos.

O novo sistema eletrônico de recrutamento militar dará mais agilidade ao processo e as informações disponíveis no portal abrem mais possibilidades aos jovens de ingressar às Forças Armadas.

O processo é para todos os jovens que completam 18 anos em 2018. E, caso não se alistem, estarão em débito com a Justiça, podendo até mesmo ter os documentos cancelados. É um processo obrigatório em todo o território nacional. Sem o alistamento, o cidadão não consegue, por exemplo, tirar passaporte ou ingressar no serviço público.


MAIS NOTÍCIAS
Secretaria de Proteção ao Cidadão