Prefeitura começa a construção da Via Cambuí, a maior obra viária de São José
Atualizado em 01/02/2018 - 16:52
Inicio da Via Cambuí 01 02 2018
Montagem do canteiro de obras no Residencial São Francisco, na região sudeste da cidade - Foto: Charles de Moura/PMSJC

Kelly Linhares
Secretaria de Gestão Habitacional e Obras

A Prefeitura de São José dos Campos deu início às obras de construção do novo sistema viário da Via Cambuí, que vai melhorar o fluxo do transporte público e do trânsito da cidade entre as regiões leste e sudeste.

Com a ordem de serviço emitida nesta quarta-feira (1º), o Consórcio formado pelas construtoras Enpavi e DP Barros, iniciou a mobilização do canteiro central de obras, localizado à Rua Lívio Veneziani, 935, no Residencial São Francisco, na região sudeste.

Nesta primeira fase, os serviços serão executados na Estrada Municipal Glaudiston Pereira de Oliveira, próximo ao Residencial Flamboyant, envolvendo limpeza e topografia da área.

O prazo contratual para término das obras é outubro de 2019. No total serão 8,6 km de extensão com duas faixas de rolamento, ciclovia, paisagismo, iluminação e calçamento. A via seguirá até a Avenida Juscelino Kubitscheck, na Vila Industrial, região leste da cidade.

O complexo Via Cambuí conta com investimentos de R$ 90.397.044,67, financiado pelo BID – Banco Interamericano de Desenvolvimento. Por exigência do banco, as empresas Geométrica e Cemosa farão o gerenciamento das obras. O objetivo é assegurar a qualidade dos serviços que serão executados.

Com a integração das regiões sudeste e leste, a Via Cambuí vai beneficiar diretamente mais de 200 mil habitantes, proporcionando ganho no tempo de viagem, segurança e fluidez no trânsito.

Geração de empregos

O PAT (Posto de Atendimento ao Trabalhador) de São José dos Campos, encaminhou ao consórcio mais de 3 mil currículos para seleção e contratação de novos funcionários.

As vagas são prioritariamente para profissionais das áreas da construção civil, como: pedreiro, carpinteiro, pintor, servente, operador de máquinas, terraplenagem, entre outras.

Os selecionados estão sendo convocados. Serão 250 novas vagas de emprego diretos e cerca de 500 indiretos.


MAIS NOTÍCIAS
Secretaria de Gestão Habitacional e Obras