Entidade completa um ano à frente do HCS com quase 200 mil atendimentos
Atualizado em 21/12/2018 - 15:42
Nova Gestão no Hospital de Clinicas Sul
A nova gestão do Hospital de Clínicas Sul fez balanço de um ano: média de 540 atendimentos por dia - Foto: Charles de Moura/PMSJC

Nei José Sant' Anna
Secretaria de Saúde

Um ano após assumir a gestão do Hospital de Clínicas Sul, a Organização Social Hospital e Maternidade Terezinha de Jesus (HMTJ) divulgou, nesta semana, um relatório de prestação de contas à Prefeitura de São José dos Campos com as ações desenvolvidas na unidade e os números de atendimentos realizados.

Neste período, a unidade realizou 197.850 atendimentos, entre adultos e crianças, uma média de 540 por dia. Foram 126.420 atendimentos clínicos, 20.270 ortopédicos e 51.160 pediátricos.

Também foi desenvolvido pela organização social HMTJ, durante o ano de 2018, um cronograma de serviços, visando a melhoria e qualidade do atendimento. Ao mesmo tempo, sistemas e processos hospitalares foram aperfeiçoados para melhorar a produtividade.

Durante o primeiro trimestre do ano, foi instalado o sistema Salus (Sistema Eletrônico de Atendimento Médico e Gerenciamento Hospitalar) em todas as áreas de atendimento do Clínicas Sul, com o objetivo de informatizar os dados dos pacientes, tendo maior controle de indicadores e do estoque de materiais e medicamentos, possibilitando melhor gerenciamento.

Além disso, a implantação da solicitação de exames laboratoriais e de Raio-X pelo sistema Salus seguiu agilizando o processo de atendimento, evitando perdas de solicitações manuais, com maior segurança ao paciente.

Outra melhoria foi a instalação de painéis de chamada com televisores e caixas de som. O sistema, além de chamar o paciente pelo nome, de modo claro e audível, mostra o setor de atendimento que ele deve se dirigir.

Hoje o hospital conta com o setor de classificação de risco adulto com dois enfermeiros e, recentemente, foi implantado o setor de classificação de risco pediátrico com um enfermeiro, facilitando e priorizando os casos de maior urgência.


MAIS NOTÍCIAS
Secretaria de Saúde