Casa Joseense beneficia 130 famílias com aportes financeiros
Atualizado em 20/12/2018 - 18:45
Programa Casa Joseense - Aporte financeiro às 37 famílias contempladas. Foto: Claudio Vieira/PMSJC. 20-12-2018
Os beneficiados receberam subsídios até R$ 5 mil, que servirão para pagar as prestações durante as obras - Foto: Claudio Vieira/PMSJC

Cláudio Ribeiro
Secretaria de Gestão Habitacional e Obras

A Prefeitura de São José dos Campos entregou nesta quinta-feira (20), no Paço Municipal, os comprovantes de quitação dos aportes concedidos pelo programa Casa Joseense. Cerca de 130 famílias já foram beneficiadas pelo programa, que é inédito no Brasil.

Entre os contemplados, havia pessoas inscritas desde 1999 no programa habitacional do município. Eles vão morar no Residencial Bom Retiro, na região leste da cidade. Outras 47 famílias receberam anteriormente o subsídio municipal para aquisição dos apartamentos no mesmo local.

“Sair do aluguel é uma maravilha, e quando saiu essa oportunidade agarramos com unhas e dentes”, ressaltou Edcarlos Maria Barbosa, um dos beneficiados. Ele mora há 3 anos no São Judas Tadeu (região sudeste) com a mulher, Aline de Faria Barbosa, e filhinho do casal, Rafael, de apenas 2 meses de idade.

Há 14 anos na fila da casa própria, Aline está contente e animada para mudar em breve para o novo lar. A construtora prometeu entregar a obra em 1 ano e 4 meses. “Quero fazer um churrasco para comemorar esta conquista para nós e nosso bebê”.

Em setembro, as primeiras 45 famílias receberam o comprovante do aporte financeiro. A moradias também são na região leste, no Residencial Parque Tecnológico.

O Casa Joseense beneficia pessoas com renda familiar máxima até R$ 2.600 inscritas no programa habitacional do município e enquadradas na faixa 1,5 do programa Minha Casa Minha Vida, do Governo Federal. Ele oferece carta de crédito no valor máximo de R$ 5 mil e aporte financeiro até R$ 2.500 para isenção de impostos municipais, taxas cartoriais e bancárias.

Além disso, as famílias poderão contar com subsídio do Governo Federal no valor até R$ 42.200. Os beneficiados ficarão isentos do pagamento do IPTU e da taxa de lixo durante cinco anos.

Mais informações


MAIS NOTÍCIAS
Secretaria de Gestão Habitacional e Obras