Centro de Zoonoses promove Feira de Adoção de Cães e Gatos
Atualizado em 25/08/2018 - 19:35
Feira de Adoção de Animais no CCZ  25 08 2018
Para a equipe técnica do CCZ, esse tipo de evento é extremamente importante para o bem estar dos animais - Foto: Charles de Moura/PMSJC

Gisele Lopes
Secretaria de Saúde

Moradores de diversas regiões da cidade visitaram neste sábado (25), a Feira de Adoção de Cães e Gatos, realizada pelo Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), da Prefeitura, localizado na Rua George Willians, 581, Parque Industrial. Ao final do evento, 14 animais, sendo 8 cães e 6 gatos, ganharam um novo lar.

Para a equipe técnica do CCZ, esse tipo de evento é extremamente importante para o bem estar dos animais. A equipe ressaltou ainda a alegria em saber que os pets passam a fazer parte de uma família.

As irmãs Soraia e Suellen Pereira, moradoras da Vila Tatetuba, região leste, adotaram uma cadela, que já recebeu o nome de Mel. As meninas relataram que essa é a segunda vez que adotam um cachorro. Para elas a adoção tem o objetivo de diminuir o número de animais abandonados.

Para adoção

Os interessados em fazer adoção de cães ou gatos no Centro de Controle de Zoonoses de São José, precisam ter mais de 18 anos de idade e apresentar o RG e CPF. Todos os pets disponíveis para a adoção são vacinados e vermifugados. Os adultos são castrados.

No caso de animais saudáveis e castrados, o munícipe assina um termo em que toma ciência dos cuidados e da posse responsável. Isso significa manter o cão ou gato vacinado, vermifugado, abrigado e alimentado adequadamente.

Quando se trata de filhotes (que não estão castrados) e animais com doenças crônicas ou físicas (que precisam de maior atenção), é elaborado um termo de adoção direcionada. Pelo documento, os novos donos se comprometem a, respectivamente, fazer a castração e tomar os cuidados necessários para a manutenção da saúde.

Em ambas as situações, é permitido um período de experiência por 15 dias, para avaliação e adaptação do animal ao novo lar. Após essa etapa, o animal é considerado adotado e não há possibilidade mais de devolução.


MAIS NOTÍCIAS
Secretaria de Saúde