União e alegria marcam abertura dos Jogos Escolares 2018
Atualizado em 27/04/2018 - 22:15
Jogos Escolares / Jogos da REM no Sesi  27 04 2018
Os Jogos Escolares da rede de ensino municipal acontecem durante todo o ano letivo levando benefícios para mais de 570 estudantes - Foto: Charles de Moura/PMSJC

Paula Pessoa
Secretaria de Educação e Cidadania

A 31ª edição dos Jogos Escolares aconteceu nesta sexta-feira (27) com clima de festa e união. Alunos de 41 escolas municipais, professores de Educação Física, orientadores educacionais, técnicos da Secretaria de Educação e Cidadania da Prefeitura de São José dos Campos e autoridades municipais se reuniram durante a manhã no Ginásio do Sesi-SP (Serviço Social da Indústria) para a cerimônia oficial. O evento foi marcado pela emoção dos jovens atletas da rede de ensino municipal e também contou com a presença especial do ex-jogador de vôlei e campeão olímpico, Marcelo Negrão.

Apresentações artísticas de música, com a participação da Banda da Polícia Militar do Estado de São Paulo, responsável pela trilha sonora animada, e de dança, feita por um grupo de cerca de 40 alunos da Emef Profº Álvaro Gonçalves, do Campo dos Alemães (região sul), contribuíram para o tom festivo do evento. E a alegria contagiante dos mais de 400 alunos presentes no local expressou a importância dos Jogos Escolares, que acontecem durante todo o ano letivo, com diversos torneios.

“Fiquei ansiosa me preparando para o juramento. Para mim é gratificante participar deste momento”, contou Sabrina Ferreira, de 13 anos, estudante do 8º ano da Emef Profº Álvaro Gonçalves, que foi responsável por fazer o juramento do atleta, repetido por todos os alunos presentes.

As amigas de escola de Sabrina, Evellen e Ana Clara, de 14 anos, do 9º ano, foram algumas das dançarinas que se apresentaram para o público no evento. "Ensaiamos a apresentação das duas músicas internacionais com o grupo de meninas da nossa escola. Estava com um pouco de vergonha, mas adorei, estou animada demais”, contou Evellen Chavele Sousa Rocha.

“Viemos para cá muito alegres, ensaiamos bastante com ajuda da professora, fiquei ansiosa, mas estou feliz. Espero que este ano tenhamos boas surpresas com as equipes da escola que vão participar dos Jogos”, disse Ana Clara de Oliveira Santos.

As ações da rede de ensino municipal beneficiam mais de 5.700 alunos em diversas modalidades esportivas. Os Jogos Escolares são uma forma de incentivar a interação entre alunos e proporcionar aos estudantes diversas modalidades esportivas em ambiente seguro e com a orientação de profissionais de Educação Física envolvendo valores da formação humana como: solidariedade, cooperação, integridade e criatividade.

“Os Jogos Escolares são extremamente importantes, eles marcam a vida dos alunos e a nossa também, como professor. Disseminar os esportes é sempre muito bom e vale a pena”, frisou o professor de Educação Física, Flávio Souza, da Emef Profº Álvaro Gonçalves.

Um sinal de que o trabalho realizado tem dado resultado é que, para os alunos, o mais importante é efetivar o fair play (expressão que significa ‘jogo limpo’) e se divertir em equipe. “Participar dos Jogos para mim é um prazer. Estou animado para representar nossa escola com os meus amigos, o mais importante é jogar limpo e se divertir”, disse o aluno do 8º ano da Emef Profª Sonia Maria Pereira da Silva, do Novo Horizonte.

“Acho que os jogos são importantes, vou participar jogando vôlei. Mas, realmente, o importante é participar, ganhando ou perdendo, o mais legal é poder viver estes momentos”, concordou a colega de Erick, Ana Beatriz Rodrigues Francisco, de 13 anos.

A celebração foi marcada também por atletas da equipe de alto rendimento do basquete de São José, que fizeram um amistoso na quadra do Sesi. E o campeão olímpico brasileiro de vôlei, Marcelo Negrão, que participou da cerimônia acendendo a pira acompanhando de uma aluna da rede municipal.

O atleta deixou um recado especial para os alunos e professores da rede: “O maior legado do esporte é disciplina e saber trabalhar em grupo. Todos os resultados positivos começam com trabalho em equipe, essas crianças estão começando, terão o gosto de jogar, competir, defender uma bandeira que é a da escola e, quem sabe um dia, pode ser a do Brasil”.


MAIS NOTÍCIAS
Secretaria de Educação e Cidadania