4 mil professores participam de palestra que integra a Formação Continuada
Atualizado em 05/04/2018 - 17:11
Encontro com professores e palestra da Diretora da CEIPE-FGV - Claudia Costin - 05-04-2018
Palestra com especialista em Educação, Cáudia Costin, reuniu professores de toda a rede municipal nesta quinta (5) - Foto: Claudio Vieira/PMSJC

Paula Pessoa
Secretaria de Educação e Cidadania

“Sonhar, acreditar e fazer a diferença na Educação” - foram algumas das palavras de motivação que abriram a palestra de formação continuada dos professores da rede de ensino municipal nesta quinta-feira (5), em São José dos Campos. Cerca de 4 mil educadores se reuniram no auditório da Igreja da Cidade, na região leste, em dois períodos (manhã e tarde) para a palestra “O papel do professor frente aos desafios da Educação no Brasil”, ministrada pela professora Cláudia Costin.

Cláudia Costin é doutora em Administração Pública pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), foi professora universitária em instituições de ensino superior, atuou em cargos públicos na esfera federal e estadual, e é professora visitante de Mestrado em Educação em Harvard.

Com propriedade e experiência em gestão pública, Cláudia abordou sobre os desafios em prol de uma educação inclusiva, equitativa e de qualidade, e o papel do professor como protagonista e ”ativador” de aprendizados.

Entre os dados apresentados, a especialista discorreu também sobre os desafios para o futuro da educação e ressaltou a importância de as escolas trabalharem o empreendedorismo com os alunos afim de “ajudá-los a descobrirem seus sonhos e ensiná-los que devem empreender para a vida”.

O evento é parte do Programa de Formação Continuada da Secretaria de Educação e Cidadania e, além dos professores, reuniu também autoridades municipais e técnicos da Secretaria. “Acho muito importante a formação continuada do professor, palestras bem estruturadas como essa acrescentam muito para nós. A de hoje eu achei incrível. Para mim, o ponto que fica como fundamental é sempre o olhar para o aluno, a prioridade nesse contato: professor e aluno”, disse a professora Iandra Borges, do 3º ano da Emef Profª Elizabete de Paula Honorato, que fica no Jardim Mariana (região leste).

A professora do 2º ano, Ademilde Santos, concordou com a colega de escola e completou que “a base de informação e conteúdo adquirida nas formações se torna aplicável em sala de aula”. “As formações nos ajudam a recordar pontos que já estudamos e agregar mais a partir de novos pontos de vista, como da palestrante de hoje, que trouxe experiências de fora e informações novas, isso é muito bom”, afirmou Ademilde.

Para a Secretaria de Educação e Cidadania, o evento marca um momento de interação e aprendizado entre os educadores e consagra a importância do trabalho de cada professor como incentivador dos alunos, para que estes acreditem em seus sonhos e busquem realizá-los, e todos juntos construam uma educação de qualidade.


MAIS NOTÍCIAS
Secretaria de Educação e Cidadania