Prefeitura encerra vacinação contra a brucelose nesta sexta
Atualizado em 04/04/2018 - 17:30
A campanha está atendendo o rebanho de produtores rurais da cidade
A vacinação contra a brucelose é obrigatória e é realizada há cada seis meses - Foto: PMSJC

Bibiano Santos
Secretaria de Inovação e Desenvolvimento Econômico

A Prefeitura de São José dos Campos encerra, nesta sexta-feira (6), a primeira fase da vacinação contra a brucelose. Devem ser vacinados somente bezerras de três a oito meses. A vacinação é gratuita e coordenada pela Secretaria de Inovação e Desenvolvimento Econômico.

São José dos Campos é uma das poucas cidades do país que arca com o custo da vacinação e de profissionais para aplicação das doses, sob a devida orientação do Governo do Estado.

A vacinação contra a brucelose é obrigatória e é realizada há cada seis meses. O criador que não vacinar ou deixar de comunicar a vacinação à Defesa Agropecuária pode ser multado.

A vacinação obedece ao calendário oficial estabelecido pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. A equipe de vacinação atende os produtores diretamente nas propriedades rurais. 

O produtor interessado poderá obter mais informações sobre a vacinação por meio da Central 156, da Prefeitura.

Doença 

A brucelose é uma zoonose (doença que acomete os animais e o homem) infecto-contagiosa causada pela bactéria Brucella abortus. Nos bovinos pode causar abortamento, nascimento de bezerros fracos, retenção de placenta, repetição de cio e descargas uterinas com grande eliminação da bactéria, além de inflamação nos testículos. Em São Paulo, a vacinação é obrigatória desde 2002.


MAIS NOTÍCIAS
Secretaria de Inovação e Desenvolvimento Econômico