Samu realiza 317 intervenções em São José durante feriado de Natal
Atualizado em 26/12/2017 - 18:03
Samu Integrado no Batalhão
Samu Integrado no Batalhão - Foto: Charles de Moura/PMSJC

Nei José Sant' Anna
Secretaria de Saúde

O Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) divulgou o balanço de atendimentos realizados no período de feriado de Natal, entre 19h de sexta-feira (22) até 7h desta terça-feira (26), nas cidades que integram o consórcio da Regional Alto Vale do Paraíba: São José dos Campos, Caçapava, Jacareí e Jambeiro.

Ao todo, foram realizadas 529 intervenções, 61,7% a mais que em 2016 (327). Destas, a grande maioria foi em São José dos Campos, com 317 visitas. Jacareí registrou 123 atendimentos, Caçapava 78 e Jambeiro 11.

As 317 intervenções realizadas em São José dos Campos representam 60% a mais do que o período de feriado de Natal de 2016 (198 visitas). No entanto, este ano, o feriado de Natal registrou um período mais prolongado, o que pode ter refletido no volume maior de ocorrências.

Das 317 visitas realizadas em São José dos Campos, 199 foram de atendimentos clínicos, 8 neonatos, 2 obstétricos, 40 psiquiátricos e 68 de trauma. Entre os tipos de ocorrências, os acidentes de trânsito lideram o ranking, com 51 atendimentos. Em seguida vêm as causas diversas (16), quedas (18), agressões (10) e ferimentos (10). 

Considerando as 4 cidades que integram o consórcio, foram registradas 1.719 ligações durante o feriado, 35,8% a mais que no ano passado (1.259 ligações).

A Central de Regulação do Samu disponibiliza para população o acesso universalizado através do número 192, de forma gratuita, 24h por dia, 7 dias da semana. Em 2016, a Central atendeu em média 13.673 ligações. Já este ano, até novembro, a média mensal era de 17.839 ligações.

A Central de Regulação do Samu agora está integrada ao Copom (Centro de Operações da Polícia Militar – 190) e ao Cobom (Centro de Operações do Corpo de Bombeiros – 193), funcionando no prédio do Batalhão da Polícia Militar CPI1, em São José dos Campos. Com isso, a população ganhou mais agilidade nos atendimentos às ocorrências de emergências.


MAIS NOTÍCIAS
Secretaria de Saúde