Febre amarela

Prevenção, sintomas da doença e orientações sobre vacina

Campanha de vacinação

Calendário

Postos

O que é?

A febre amarela é uma doença causada por um vírus e transmitida ao macaco e ao homem pela picada de um mosquito.

Existem dois tipos de febre amarela: a silvestre e a urbana. A diferença das duas é o mosquito que carrega o vírus e o transmite pela picada.

Atualmente no Brasil só existe a febre amarela silvestre, que é transmitida pelos mosquitos que vivem na mata. Porém, temos que ter muito cuidado para a febre amarela não se tornar urbana, eliminando todos os criadouros do mosquito da dengue, porque ele pode também transmitir a febre amarela, caso se contamine com esse vírus.

Tira-dúvidas

Quais os sintomas da febre amarela

A pessoa com febre amarela pode apresentar febre, dor de cabeça, dores pelo corpo, calafrios e, nos casos mais graves, sangramentos na gengiva, nariz, estômago, intestino e urina, além de pele e olhos amarelados (icterícia).

Se eu tiver sintomas de febre amarela, o que eu tenho que fazer?

Deve procurar o médico. Não deve tomar remédio por conta própria.

O que eu faço se eu encontrar macaco morto?

Primeiro: não toque no animal. A febre amarela você só pega se for picado pelo mosquito que transmite o vírus, mas o macaco pode transmitir outras doenças graves para o homem, tais como raiva e herpes vírus.

Isole o local (se possível, 2 metros de raio) e ligue imediatamente para Centro de Controle de Zoonoses (3931-2292 ou 3934-4923) ou Núcleo Hospitalar de Epidemiologia (3901-3509 ou 3901-3453).

Mesmo depois de acabar a campanha da vacina contra febre amarela, eu tenho que avisar se encontrar macaco morto?

Sim! Neste caso, a Secretaria de Saúde vai voltar ao local para ver se algum morador não foi vacinado contra a febre amarela.

Se eu já tomei uma dose padrão da vacina contra febre amarela antes da campanha, estou protegido contra a doença o resto da vida?

Sim! A Organização Mundial de Saúde fez um estudo e constatou que uma única dose padrão é suficiente para proteger contra a febre amarela para o resto da vida. A dose fracionada protege por 8 anos.

Vai continuar tendo dose padrão? Quem vai tomar?

A dose padrão será aplicada na campanha em crianças de 9 meses até 2 anos de idade, pessoas com condições clínicas especiais (vivendo com HIV/AIDS, após término de tratamento com quimioterapia, doenças hematológicas, entre outras), após avaliação do serviço de saúde, e em viajante internacional que deve apresentar o comprovante de viagem no ato da vacinação.

O que é vacina fracionada? Ela me protege contra a febre amarela do mesmo jeito que a outra?

A vacina fracionada é a mesma que é dada até hoje. A única diferença é o tempo de proteção. Enquanto a vacina padrão protege a vida toda, a duração da fracionada é de 8 anos. Mas nesse período protege do mesmo jeito que a outra.

Como eu vou saber se a vacina que eu tomei é a fracionada ou a padrão?

Se você já tomou a vacina anteriormente, recebeu a dose padrão e não precisa tomar uma nova dose, pois a vacina com dose fracionada nunca havia sido utilizada no Brasil.

Quais as complicações que eu posso ter com a vacina?

O mais comum é dor e vermelhidão no local da aplicação. Após 3 dias pode apresentar febre, dor de cabeça e dor no corpo. Raramente é possível apresentar uma reação que parece febre amarela. Qualquer complicação, procure o seu médico.

Quem não pode tomar a vacina contra a febre amarela?

Não podem tomar a vacina:

- Crianças menores de nove meses de idade

- Gestantes

- Mulheres amamentando crianças com até 6 meses

- Pessoas com imunodeficiência primária ou adquirida

- Indivíduos vivendo com HIV/Aids que apresentem imunodeficiência grave

- Indivíduos com imunossupressão à doença ou terapias imunossupressoras (quimioterapia, radioterapia, corticoides em doses de 2 mg/kg/dia para crianças e 20 mg/dia para adultos por mais de 14 dias)

- Pessoas em uso de medicações antimetabólicas ou medicamentos modificadores do curso da doença (Infliximabe, Etanercepte, Golimumabe, Certolizumabe, Abatacept, Belimumabe, Ustequinumabe, Natalizumabe, Canaquinumabe, Tocilizumabe, Ritoximabe e outros terminados com MOMAB, XIMAB, ZUMAB, ou UMAB)

- Transplantados

- Câncer em tratamento

- Pessoas que apresentaram reação alérgica grave ao ovo

- Pessoas com história pregressa de doença do timo (miastenia gravis, timoma), lúpus, doença de Addison;

- Artrite reumatoide

- Pessoas com doenças hematológicas que cursam com imunodeficiência (como aplasia de medula/anemia aplástica)

Sou idoso. Posso tomar a vacina contra a febre amarela?

Se você não tiver nenhuma contraindicação, pode tomar a vacina.

Se eu não puder tomar a vacina contra a febre amarela, como posso me proteger contra a doença?

Primeiro, você não deve ir para locais onde há casos de morte de macacos ou de pessoas por febre amarela. Se você tiver que ir, não entre em áreas de mata. Use sempre repelente!