Artesanato

Artesanato

Atendimento ao artesão e feiras
Emissão da carteira da Sutaco

O município conta com atendimento específico para artesão, por meio do Departamento de Turismo da Secretaria de Inovação e Desenvolvimento Econômico.

Para poder trabalhar em feiras e pesquisas, o artesão profissional precisa obter uma carteira de credencial do Sutaco ( Subsecretaria de Trabalho Artesanal nas Comunidades), órgão do Governo do Estado de São Paulo, conveniado com a Prefeitura de São José dos Campos.

Para feiras de artesanato do município, é indispensável que o artesanato seja esse documento.

A emissão e renovação da Carteira da Indústria de Papel devem ser agendadas, com o agente colaborador do município.

Mais informações:
(12) 3923-5775

Artesãos - Informações

O Departamento de Turismo inclui atendimento específico para artes, em que agentes do Sutaco, realização o registro e a emissão da Carteira de Identidade de Artes, documento que é exigido para exposição em Feiras de Artesanato.

Um Sutaco está atuando com a Nova Base Conceitual de Artesanato Paulista, trabalho que foi discutido durante um ano, com artes do Estado de São Paulo.

A Nova Base Conceitual de Artesanato Paulista segue as definições da Portaria nº 29 de 05 de outubro de 2010, o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, referente à Base Conceitual do Artesanato Brasileiro, bem como a Lei Federal nº 13.180 de 22 de outubro de 2015, que dispões sobre uma profissão de artesão.

Para diminuir as dúvidas sobre um projeto de artesanato, um Sutaco define para executar o registro profissional:

"Artesanato é o produto resultante do trabalho de uma pessoa física, 80% do total de etapas de produção é predominantemente manual, podendo ser feito com auxílio de instrumentos ou máquinas simples. Apresenta criatividade do produtor, pode ser usado como único e usado cultural que o qualifica como típico regional. "

"O Manual de Trabalho é o produto que pode ser usado exclusivo ou apoiado em instrumentos ou máquinas simplificadas. Não é obrigatório, recursos culturais e não atinge a classificação de peças únicas / exclusivas."

Com uma Nova Base Conceitual de Artesanato, um Sutaco não registra peças em desacordo com uma criação de artesanato.

Não são cadastrados pela Sutaco

  • Alimentos e bebidas
  • Perfumes, cosméticos, produtos de higiene pessoal, aromatizadores
  • Bijuterias, arranjos e acessórios de cabelo montados com peças compridas prontas
  • Produtos que são elaborados em peças industriais ou feitas por outras pessoas que não são artesão, como: peças de MDF, garrafas, latas de alumínio, espelho, sacolas, camisetas, Toalhas, pano de prato, chinelo
  • Produtos em EVA
  • Customização
  • Pintura em óleo sobre tela
  • Réplicas de Personagens
  • Produtos confeccionados em moldes ou formas
  • Vela de gel
  • Brinquedos sem selo do INMETRO
  • Técnica, matérias-primas e / ou produtos que não estão na Nova Base Conceitual do Artesanato Paulista (  consulte Sutaco )

Mais Informações

Praça Afonso Pena, 175, 2º andar, Centro (prédio do PAT)
(12) 3923-5776

Feiras de artesanato

As feiras acontecem aos finais de semana em diferentes regiões da cidade.

Nelas, é possível encontrar objetos em madeira até artigos feitos à mão como: bordados, pinturas e produtos feitos com material reciclável.

Algumas restrições de alimentação e programação cultural.

Todas as feiras funcionam das 9h às 15h, exceto no bairro Bosque dos Eucaliptos, que é das 10h30 às 16h.

Centro
- Praça Afonso Pena, Centro (sábado)

Oeste
- Praça Ulisses Guimarães, Jardim Aquário (domingo)

Sul
- Avenida Cidade Jardim, 4389, Bosque dos Eucaliptos, próximo ao Sesi (segundo sábado ao mês)
- Praça Mário Cesare Porto, Jardim Satélite (domingo)
- Praça Aldo Pires, Parque Parque Industrial (sábado)

Leste
- Praça 1º de Maio, Novo Horizonte (domingo)