População em situação de rua

Abordagem social, com acolhida humanizada e segura

O que é

Pessoas que utilizam logradouros públicos (praças, marquises, viadutos) e de áreas degradadas (prédios abandonados) como espaço de moradia e de sustento, de forma temporária ou permanente.

São José dos Campos possui uma rede de serviços de atendimento à população em situação de rua de média e alta complexidade integrada. O serviço está estruturado para atender a demanda do município, por meio de unidades específicas.

O serviço está planejado para oferecer uma acolhida humanizada e segura, uma vez que cada casa comporta um número menor de pessoas, estimulando assim uma melhor aceitação dos serviços.

Serviço Especializado em Abordagem Social

Serviço ofertado, de forma continuada e programada, com busca, escuta e acolhimento das pessoas em situação de rua. Busca a resolução de necessidades imediatas e promove a inserção desta pessoa na rede de serviços socioassistenciais e das demais políticas públicas na perspectiva da garantia dos direitos.

 

Acolhimento Institucional

Unidades de acolhimento provisório com estrutura para acolher com privacidade indivíduos ou grupo familiar. É previsto para pessoas em situação de rua, migração e ausência de residência ou pessoas em trânsito e sem condições de auto-sustento. O oferecimento deste serviço proporciona ao usuário o acolhimento no que refere aos cuidados básicos de higiene pessoal, alimentação, pernoite, acompanhamento especializado a condição muitas vezes debilitada pela ausência de saúde física/emocional, associada ao uso/abuso de álcool e outras drogas e a sua condição geral de vida na rua.

 

Expediente 

Serviço de Acolhimento Institucional e Abordagem Social atende durante 24h.

Centro de Atendimento ao Migrante - segunda a sexta-feira das 8h às 17h - Rua Itororó, nº 353 Vila Piratininga.

Denúncia/Reclamação/Solicitação de Apoio e Abordagem Social Através do telefone 156 – durante 24h.