Alunos da rede participam de debates nos moldes da ONU
Atualizado em 10/09/2019 - 19:02
SIEF SJC no CEFE   10 09 2019
Ação faz parte da Simulação para o Ensino Fundamental, que não acontecia desde 2012, e que foi retomada pela Secretaria de Educação e Cidadania - Foto: Charles de Moura/PMSJC

Gisele Lopes
Secretaria de Educação e Cidadania

Alunos do 7º, 8º e 9º ano de 43 escolas municipais de São José dos Campos participam, nesta quarta-feira (11) e quinta-feira (12), das 13h30 às 17h, do Programa Líder do Futuro, que envolve um treinamento para a realização de debates no mesmo formato dos comitês realizados pela ONU (Organização das Nações Unidas). As atividades, que começaram nesta terça-feira (10), são realizadas no Cefe (Centro de Formação do Educador), na região norte da cidade.

A ação faz parte da Sief (Simulação para o Ensino Fundamental), que não acontecia desde 2012 e foi retomada pela Secretaria de Educação e Cidadania, para estimular ações de liderança e empreendedorismo nos alunos da rede municipal.

Vestidos com traje formal, os estudantes assumem o papel de diplomatas para negociar e solucionar conflitos. Os debates também envolvem professores e orientadores pedagógicos, que prepararam os alunos durante esse ano letivo.

As atividades estão divididas em três grupos: Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) com o tema “Todos por elas”, Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA) com o tema “ Exploração de Minérios” e Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura(Unesco) com o tema “Uso da internet”.

A Simulação conta ainda com um grupo de imprensa, equipe responsável pela cobertura dos encontros e que fará um jornal no final de cada dia, registrando com fotos e matérias a cobertura de todas as discussões.

Neste ano, os alunos terão como desafio debater temas mundiais como direitos humanos e questões relacionadas ao meio ambiente e apontar soluções para esses problemas. O último dia de atividade será para fechamento das questões e leitura dos documentos de resolução, produzido pelos alunos.

Casos de sucessos

A abertura da Simulação para o Ensino Fundamental para os alunos da rede pública municipal contou com a participação de dois ex-alunos da rede. Ex-aluno da Emef Áurea Cantinho, o estudante de História da USP, Felipe de Oliveira, falou os impactos positivos que a ação pode proporcionar aos estudantes. Oliveira é educador no Museu de Arqueologia e Etnologia da USP e estagiário de ação cultural no Centro Cultural de São Paulo.

“Esse tipo de atividade estimula os alunos a buscarem mais, se esforçarem e acreditarem nos sonhos. A Simulação faz com que eles tenham coragem de expor ideias e contribuir com ações que podem transformar a vida de outras pessoas”, disse.

Outro exemplo que motivou os participantes da Sief foi o relato da Paloma Flores, fundadora do InseRI UFABC, entidade estudantil que visa aproximar alunos de Relações Internacionais do mercado de trabalho por meio de visitas e conexões e grupos de estudos específicos da área. Ex-aluna da rede, ela é atuante no time de Gente & Gestão da Fundação Lemann, fundação que colabora com iniciativas para a educação pública em todo o Brasil e apoia pessoas comprometidas em resolver grandes desafios sociais do país.

“É incrível encontrar alunos trabalhando com temas que envolvem direitos humanos. Sou fruto do mesmo lugar que eles estudam. Hoje, foi um dia incrível. Esse trabalho extraclasse vai desenvolver estudantes como líderes do futuro", concluiu a ex-aluna da Emef Maria de Melo.

Serviço
Programa Líder do Futuro – debate nos moldes da ONU
• Simulação para Ensino Fundamental (Sief)
• Data: 10,11 e 12 de setembro
• Horário: 13h30 às 17h
• Local: Centro de Formação do Educador (CEFE)
Av. Olívio Gomes, 250 – Santana.

 


MAIS NOTÍCIAS
Secretaria de Educação e Cidadania