Novembro Azul começa com ação no Poliesportivo São Judas
Atualizado em 08/11/2019 - 17:41
Ilustração
Técnicos dos programas Saúde do Adulto, Previna e Práticas Integrativas vão dar orientações - Foto: Ilustração

Cláudio Ribeiro
Secretaria de Saúde

Neste sábado (9), a Prefeitura de São José dos Campos realiza a ação Saúde Mais com Você no Poliesportivo do São Judas Tadeu (avenida São Jerônimo, 706), na região sudeste. Das 8h às 12h, técnicos dos programas Saúde do Adulto, Previna e Práticas Integrativas vão dar orientações e distribuir material educativo ao público.

A atividade, que é gratuita, faz parte da programação do Novembro Azul, que visa orientar a população sobre o câncer de próstata, a diabetes e as quedas de idosos. Haverá também prática de lian gong, que é uma técnica utilizada como estratégia de prevenção, promoção da saúde e redução de agravos em dores no corpo.

Estão previstas mais duas ações de orientação neste mês. Uma no dia 14, durante a feira livre de Santana (Raul Ramos de Araújo). E a outra será no dia 28, na praça central de São Francisco Xavier. O objetivo é sensibilizar a população quanto aos hábitos saudáveis de vida como forma de prevenção e reforçar a importância do comparecimento à UBS (unidade básica de saúde) para fazer exames de rastreamento de câncer.

Principal causa de morte por câncer entre os homens, o de próstata tem incidência estimada na região sudeste de 66 casos para cada 100 mil habitantes. Até setembro, houve 181 casos em São José dos Campos neste ano. A faixa etária de maior incidência é após os 50 anos. Por isso é muito importante a vigilância para o diagnóstico precoce da doença.

A Prefeitura tem como programa da linha de cuidado da saúde do adulto o rastreamento de câncer de próstata através da dosagem anual de PSA (antígeno prostático específico) para todos os homens após os 50 anos. O objetivo é agilizar o diagnóstico dos pacientes com forte suspeita da doença.

Os identificados pelo exame de PSA colhido como rotina na UBS são encaminhados para biópsia de próstata pelo próprio médico da rede básica. Com isso, há maior chance de fazer o diagnóstico precoce do paciente com alto risco de apresentar a forma mais agressiva da doença.

Por meio dos programas Saúde do Adulto/Idoso e Previna, a Prefeitura promove ações para conscientizar os munícipes, além de visitas às unidades básicas de saúde, com orientações sobre a importância do rastreamento de pacientes para o diagnóstico precoce.


MAIS NOTÍCIAS
Secretaria de Saúde